No peito e na alma !

No peito e na alma !

sexta-feira, 29 de julho de 2016

Ricardo Oliveira não dá conselho, mas diz: "Gabriel jogaria em qualquer time"


Atacante elogia o companheiro, mas procura não se envolver na decisão de Gabigol, que recebeu proposta do Juventus, da Itália

Ricardo Oliveira é um líder do elenco do Santos e costuma conversar muito com os mais novos, dar conselhos, contar experiências da carreira. O atacante, porém, decidiu não se envolver na decisão sobre o futuro de Gabriel, que recebeu proposta do Juventus, da Itália.

O camisa 9 do Peixe diz que a decisão é pessoal e que envolve coisas que vão além do dinheiro, mas garante que o companheiro jogaria em qualquer time do mundo.

– É uma decisão particular, onde eu não entro. Envolve muitas coisas, não só dinheiro. É algo pessoal. Juventus é um grande do futebol mundial, clube mais vencedor da Itália, é isso que eu posso falar. Ele é muito talentoso e acho que jogaria em qualquer lugar do mundo pelo potencial e qualidade que tem – disse Ricardo Oliveira em entrevista coletiva nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé.

A proposta italiana é de 20 milhões de euros (cerca de R$ 72,5 milhões). Por uma cláusula no contrato, Gabriel e a sua família, que têm 40% dos direitos econômicos, ficariam só com 2 milhões de euros (R$ 7,2 milhões). As condições não agradam e a oferta deve ser recusada.
Globoesporte.com

Santos reconstrói meio de campo para encarar o Cruzeiro



O Santos está de meio campo novo. Por conta dos desfalques e lesões, o técnico Dorival Junior se viu obrigado a modificar o setor diante do Gama, na quarta-feira, e deve repetir o expediente contra o Cruzeiro, no domingo, as 16h (horário de Brasília), na Vila Belmiro, em partida válida pela décima sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

O quarteto formado por Renato, Leo Cittadini, Vecchio e Vitor Bueno foi aprovado pelo treinador no duelo que classificou o Peixe para as oitavas de final da Copa do Brasil.

Na nova formação testada pelo comandante santista, Vitor Bueno atua com o argentino Vecchio na criação das jogadas. Este último foi escalado na quarta-feira em substituição a Lucas Lima, que sofreu um edema na coxa esquerda, no domingo passado, passa por tratamento no CT Rei Pelé e é dúvida para o encontro de domingo.

"O Dorival foi muito claro no que me pediu com relação ao meu posicionamento. Consegui assimilar a ideia bem rápido. Mas ainda creio que podemos mais, com o decorrer dos jogos", afirma Vecchio, que fez sua primeira partida como titular pelo Peixe diante do Gama.

A dupla de volante é composta por Renato e Leo Cittadini, que tem atuado mais recuado em relação a sua posição de origem e tem aproveitado a oportunidade. Prova disso é o reconhecimento de Dorival Júnior, que fez elogios ao atleta após a vitória de 3 a 0 sobre o Gama.
ESPN






"É preciso reconhecer o excelente trabalho que o Cittadini tem feito, atuando mais atrás e com muita movimentação e condicionamento físico. Temos que elogiar porque esse jogador recebeu muitas críticas tempos atrás, quando vivia um momento de oscilação", disse o treinador.

Alex demonstra otimismo em fechar com o Santos




O zagueiro Alex, de 34 anos, acredita que o acerto com o Santos pode ocorrer mesmo com as negociações tendo esfriado nas últimas semanas. O jogador afirma que seu retorno à Vila Belmiro, inclusive, pode ocorrer nos próximos dias.

"Eu estou otimista, a única coisa que acho que foi o maior problema foi que há 15 dias fui para a Itália e deixei meu empresário conversando com eles. Ele trabalha comigo há doze anos, e acho justo que ele sempre negocie, fale com os clubes, e deixei. E o que vi, foi isso, de comissão e luva", disse o jogador, em entrevista à Rádio Globo.

Após encaminhar um acordo com o superintendente de esportes, Dagoberto Santos, Alex viajou à Itália para resolver pendências de sua mudança e deixou as negociações nas mãos de seu empresário, Giuliano Bertolucci. O representante, porém, exigiu pagamento de comissões e luvas a Alex, fato que travou as conversas.

"Acho que para mim não é grande problema, devo voltar a conversar agora e estou otimista, sim. Acho que podemos entrar em um acordo para dar certo. O que tem que prevalecer é minha vontade de jogar pelo Santos, e acho que é isso que vai acontecer. Vai dar tudo certo", disse o defensor.

No início da semana que vem, Alex deve retornar ao CT Rei Pelé e conversar pessoalmente com dirigentes santistas
ESPN

Gabigol diz que decisão sobre ida à Juventus será tomada nos próximos dias




O atacante santista Gabriel Barbosa deu breve resposta sobre as tratativas em aberto entre o Santos, a Juventus-ITA e ele. Em meio a um jogo de empurra por porcentagens da proposta de 20 milhões de euros (R$ 72 milhões), Gabigol prometeu decisão rápida. 

"Nosso foco é na Seleção, estamos em busca do ouro, logo teremos amistoso. Antes eu estava participando da negociação, mas quando vim para cá deixei para meu pai e meu empresário. Logo será tomada uma decisão", afirmou. 

Gabriel foi orientado a evitar se aprofundar no assunto transferência, sobretudo porque há certo imbróglio entre o clube e ele próprio. Para abrir mão do atacante, o Santos deseja ficar com 18 milhões (R$ 64 milhões) entre os 20 milhões que foram oferecidos pela Juventus.

Gabigol, porém, perderia bastante dinheiro, já que possui 40% dos direitos econômicos. Na prática, o modelo de negócio que a direção santista condiciona faria com que ele deixasse de ficar com pouco mais de R$ 20 milhões. 

Confira outras respostas da entrevista coletiva de Gabigol:

ENTROSAMENTO COM GABRIEL JESUS
Já jogamos juntos algumas vezes, estamos conversando, buscando entrosamento, aos poucos vamos pegando isso.

QUARTETO MÁGICO COM LUAN, JESUS E NEYMAR

É muito bom, mas não tem comparação alguma, a gente tem o Luan, o Gabriel que são craques, sem falar do Neymar... Mas queremos fazer nossa história, montar uma nova geração, é claro que ficamos contentes, mas comparação não é boa. Queremos mostrar para o Brasil que têm outros jogadores vindo fazer história.

PRESSÃO SOBRE O ADVERSÁRIO

A gente tem variações de jogo, temos de marcar em cima, fazer a pressão logo depois de perder a bola... Mas isso não é a todo momento, tem que saber quando fazer a pressão. Vai ter momento do jogo em que vamos cansar e esperar um pouco mais. Em condicionamento, estamos preparados.

COBRANÇA POR OURO

Pressão vai ter mesmo se a gente ganhar todos os campeonatos, é uma Seleção enorme, de grande expressão, apesar da nossa pouca idade, temos maturidade, sabemos que precisamos fazer um grande futebol, mostrar que o Brasil está se renovando.

GABRIEL JESUS, O QUE GOSTARIA DE TER DELE?

Eu gostaria de ter tudo dele, é rápido, forte, faz gol. É um grande jogador, mostra muita maturidade, me espelho na capacidade física que ele tem, capacidade de fazer gols. Tem o Neymar, o Felipe, são todos grandes jogadores, o Jesus também é um ídolo meu.

SELEÇÃO PRINCIPAL

Depois pensamos, esse é um campeonato difícil, que o Brasil nunca ganhou. Não só nós dois, mas tem outros jogadores que podem fazer o Brasil se renovar. Com respeito a todos, nosso time é muito bom, temos que ter foco, depois as coisas vão acontecer naturalmente.

PREMIAÇÃO FINANCEIRA PARA O OURO

A gente não discutiu isso, não sabemos como vai ser, estamos focados no ouro. Não é uma coisa para ser falada aqui, isso é algo particular, vai de cada pessoa... Essa é uma coisa particular, estamos aqui pela Seleção, orgulho de vestir a camisa.

NEYMAR

Joguei na minha estreia, que foi a despedida dele, é um craque, que dispensa comentários. Aí fica fácil. Temos que nos movimentar bastante, procurar espaços e ficar perto."

EXPERIÊNCIA DE NEYMAR

Ouvir o Neymar é importante, não estou negociado, sou jogador do Santos e da Seleção, estou feliz de estar aqui e representar o Santos.  
Uol 

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Santos escapa de clássicos estaduais nas oitavas da Copa do Brasil



Garantido nas oitavas da Copa do Brasil, após vencer o Gama por 3 a 0 na quarta-feira, o Santos aguarda o sorteio que definirá seu adversário na próxima fase da competição, previsto para o próximo dia 2 de agosto, na sede da CBF, no Rio de Janeiro. De certo mesmo é que o Peixe está livre de encarar os rivais estaduais nessa etapa, ao contrário do que ocorreu ano passado, quando enfrentou o Corinthians.

Quarto colocado no ranking da CBF, o Santos está no pote 1 de sorteio, junto a Corinthians, Palmeiras, São Paulo, Atlético-MG Mineiro e Grêmio, que disputaram a Libertadores, além de Cruzeiro e Internacional, terceiro e nono colocados, respectivamente.

No pote 2 estão Botafogo, Atlético-PR, Ponte Preta, Fluminense, Juventude, Vasco, Botafogo-PB e Fortaleza/América (o classificado será definido nesta quinta-feira), clubes que não disputam o G-4 do Campeonato Brasileiro ou que não estão na Série A.

O técnico Dorival Júnior, que terminou a temporada passada com o gosto amargo de ter perdido o título da Copa do Brasil e de quebra a classificação para a Libertadores no Campeonato Brasileiro, muito pelo fato de ter poupado titulares na Nacional para privilegiar a competição de mata-mata, disse que pode utilizar o mesmo expediente esse ano.

“Com as nossas janelas e movimentações de tabela, planejamento não existe. Ano passado, fui até o momento que deu (com o time titular). Fui muito criticado por ter poupado titulares. Mas se tiver que fazer esse ano o que fiz ano, eu vou fazer. Infelizmente, ano passado não conseguimos a vaga para a Libertadores. Talvez a classificação chegue esse ano em um momento certo, com um elenco mais preparado para o ano que vem“, avaliou o treinador.

Gazeta

Dorival elogia postura do Santos e diz contar com o retorno de Lucas Lima


Técnico escala o meia, que se recupera de problema muscular, para o duelo contra o Cruzeiro, pelo Brasileirão, e fala da intensidade da equipe em jogo da Copa do Brasil

O Santos deve contar com o retorno de Lucas Lima para a partida contra o Cruzeiro, no próximo domingo, às 16h (de Brasília), na Vila Belmiro. O técnico Dorival Júnior diz ter certeza da participação do meia, que se recupera de edema muscular na coxa esquerda.

Lucas teve a lesão diagnosticada após os 3 a 2 contra o Vitória, no último domingo, em Salvador. O prazo de recuperação costuma variar entre uma semana e dez dias. Para ficar à disposição logo, o camisa 20 tem feito trabalho de fisioterapia em dois períodos.

– Espero contar com o Lucas, sim. Não tenho dúvidas disso. Tenho certeza que encontrará um caminho, uma recuperação. Confio muito no DM (departamento médico) – disse Dorival Júnior.

Se Lucas Lima não estiver em condições, Vecchio deve ser o substituto mais uma vez. Victor Ferraz, poupado por desgaste físico na vitória por 3 a 0 contra o Gama, pela terceira fase da Copa do Brasil, é retorno certo. Sobre a classificação, aliás, o técnico falou:

– Mais importante do que o resultado foi o comportamento da equipe. Prezo muito por esse lado. Fomos intensos e fico muito feliz porque tivemos um jogo desgastante em Salvador, que nos levou até o limite. E três dias depois tivemos intensidade, respeitando a equipe do Gama, se comportando bem, impondo a maneira de jogar. Fico feliz pelo desempenho – analisou Dorival.

A vitória sobre o Gama classifica o Santos para as oitavas de final da Copa do Brasil. O adversário será definido em sorteio no dia 2 de agosto.

Globoesporte.com

Com 'hat-trick' de Ricardo Oliveira, Santos garante vaga nas oitavas da Copa do Brasil


Após o empate sem gols no jogo de ida, o Santos não deu chances ao Gama e venceu por 3 a 0 na Vila Belmiro, nesta quarta-feira, para garantir a sua classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil.

Os três gols do jogo foram marcados pelo atacante Ricardo Oliveira, que voltou a balançar as redes após mais de dois meses. O "hat-trick" é o primeiro do camisa 9 com a camisa do Santos, acabando com um jejum, prolongado por contusões, que vinha desde a final do Campeonato Paulista, no dia 8 de maio.

RICARDO OLIVEIRA RESOLVE!

O Santos começou o jogo pressionando e encurralando o Gama em seu campo defensivo. Mesmo conseguindo criar boas oportunidades, o primeiro gol só saiu aos 27 minutos. Luiz Felipe aproveitou o erro da defesa do time do Distrito Federal, deixou com Gustavo Henrique, que rolou para Ricardo Oliveira, que acertou um chute cruzado no ângulo para abrir o placar.

Com a desvantagem, o Gama resolveu tentar sair um pouco mais para o jogo, buscando o gol que poderia dar a classificação. Porém, com um nível técnico bem inferior, os visitantes não conseguiam levar perigo ao gol de Vanderlei.

Aos 43, Vitor Bueno lançou Léo Cittadini, que foi derrubado na área. Pênalti marcado e convertido por Ricardo Oliveira, que chegou a escorregar na cobrança. 


HAT-TRICK!

Depois do intervalo, o Santos não diminuiu o ritmo e logo chegou ao terceiro gol. Vitor Bueno recebeu na intermediária, deu uma meia lua no zagueiro e, quando foi para o drible no goleiro, acabou derrubado. Mais um pênalti e novamente a cobrança, e o gol, foram de Ricardo Oliveira.



Ricardo Oliveira leva bola para casa após três gols contra o Gama: 'Boa recordação'

Com a classificação praticamente garantida, o Santos reduziu um pouco o ímpeto. Apesar de administrar a vantagem, o time da casa ainda chegou a criar algumas chances de sacramentar a goleada, mas o placar ficou mesmo nos três a zero. 

SEQUÊNCIA

O Gama dá adeus à temporada de 2016, enquanto o Santos chega à fase oitavas de final da Copa do Brasil. A definição do adversário na sequência da competição será feita por sorteio marcado para a próxima terça-feira (2), na sede da CBF.

Pelo Campeonato Brasileiro, o próximo compromisso santista é neste domingo, na Vila Belmiro, contra o Cruzeiro.

FICHA TÉCNICA:
SANTOS 3 X 0 GAMA

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 27 de julho de 2016 (quarta-feira)
Horário: 21h45 (horário de Brasília)
Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)
Assistentes: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Fabiano da Silva Ramires (ES)
Público: 9.883 torcedores
Renda: R$ 147.395,00
Cartões amarelos: Copete (Santos)
Cartões amarelos: Murilo, David, Maringá, Pedrão, Michel e Eduardo (Gama)
GOLS: SANTOS: Ricardo Oliveira, aos 22 e aos 44 minutos do primeiro tempo, e aos 12 minutos do segundo tempo.

ESPN

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Santa Cruz procura Longuine, mas Dorival o aconselha a ficar no Santos

Time pernambucano tenta empréstimo, mas técnico do Peixe diz ao meia que confia nele e que pode dar mais oportunidades sem o trio olímpico

O Santa Cruz tentou a contratação de Rafael Longuine por empréstimo, mas uma conversa com Dorival Júnior fez com que, por enquanto, o meia permaneça no Santos.

O técnico disse ao jogador que confia em seu futebol, mesmo depois de altos e baixos na temporada, e que ele pode receber mais oportunidades durante o mês de agosto, enquanto Zeca, Thiago Maia e Gabriel estão com a Seleção olímpica. 

A diretoria também não pretendia liberar Longuine gratuitamente. Quer negociar apenas em caso de boa proposta em definitivo do exterior. Anteriormente, Coritiba e Ponte Preta manifestaram interesse no atleta de 26 anos.

Longuine tem dois gols em 15 partidas pelo Alvinegro na temporada. O meio-campista foi contratado em 2015, após ser destaque do Audax no Campeonato Paulista, mas nunca emplacou uma grande sequência como titular.

Globoesporte.com

Contusão tira Lucas Lima do duelo diante do Gama, pela Copa do Brasil


Coordenador da área de saúde do Santos, Rodrigo Zogaib confirmou um edema no músculo posterior da coxa esquerda do meia, que deve retornar à equipe para enfrentar o Cruzeiro, no domingo (31)

O meia Lucas Lima sofreu um edema no músculo posterior da coxa esquerda e não enfrenta o Gama, pela Copa do Brasil, nesta quarta-feira (27 de julho), às 21h45, pela Copa do Brasil. O atleta realizou um exame de imagem na última segunda-feira e já iniciou o tratamento no CT Rei Pelé.

“Ele vinha sentindo um desconforto. Nos últimos dois jogos, devido à alta intensidade das partidas, acabou sentindo um pouco mais e achou-se mais prudente que ele não terminasse a partida contra o Vitória. Com os exames que que foram feitos, visualizamos o edema na região posterior da coxa esquerda“, declarou o coordenador da área de saúde do Santos, Rodrigo Zogaib.

“O tratamento será conservador, através de repouso e fisioterapia. Numa segunda fase, ele inicia o trabalho de transição e, aí sim, retorna ao grupo em condições normais”, explicou.

O lateral direito Victor Ferraz também não participou do treino no campo desta terça-feira. Devido ao desgaste físico, o atleta realizou trabalhos internos, de fortalecimento muscular na academia do CT Rei Pelé e passou a ser dúvida para o duelo diante do Gama.

FoxSports

Santos rescinde contrato com Jean Chera



O Santos rescindiu o contrato do meia Jean Chera. A rescisão foi publicada no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF às 16h59 desta terça-feira. A ação do clube alvinegro deve marcar o fim da carreira do jogador de apenas 21 anos, que havia "desaparecido" do clube no início de julho. O pedido para encerrar o contrato partiu do atleta.

Jean estava tratando de uma lesão no tornozelo esquerdo no Peixe, mas no começo do mês, parou de ir ao clube e sequer avisou a diretoria. Ficou duas semanas sem dar notícias. O jornal "Lance!" apurou que, durante o "sumiço", o jogador chegou a ir para Vera (MT), sua cidade natal, antes de retornar para a Baixada Santista. Pouco antes de abandonar o tratamento, ele brigou com seu pai, Celso Chera.

Desde então, a expectativa era que o jovem se reunisse com seu empresário para definir o futuro. A diretoria alvinegra, assim como familiares e o próprio agente de Jean, tentaram convencê-lo a permanecer no futebol, mas a rescisão do contrato indica que a carreira do atleta deve realmente ter um fim precoce.

Jean Chera estava emprestado até o fim de 2016 à Portuguesa Santista, que disputa a Quarta Divisão do Campeonato Paulista, mas sofreu uma torção no tornozelo esquerdo e voltou ao Santos para tratar-se no Cepraf do CT Rei Pelé.


O "sumiço" não foi a primeira polêmica em que o meio-campista se envolveu no Santos. Apontado desde os 11 anos como joia da Vila Belmiro, o garoto não entrou em acordo no momento em que foi assinar o primeiro contrato profissional com o clube, em 2011.

Então agenciado por seu pai, Celso Chera, ele pediu um contrato de três anos com o Santos, com salários progressivos (R$ 75 mil no primeiro ano, R$ 100 mil no segundo e R$ 130 mil no terceiro), além de luvas avaliadas em R$ 1 milhão. O Santos queria pagar R$ 30 mil mensais, proposta que foi recusada. O jogador, então, foi liberado. Na época, Jean tinha 15 anos e posteriormente lamentou a saída do Peixe.

O meia retornou ao Santos no ano passado, inicialmente para atuar pelo sub-23. A diretoria viu o retorno como uma segunda chance ao garoto, que passou a receber salário de de R$ 980 mensais. Depois de alguns meses recuperando a forma física, ele foi emprestado à Portuguesa Santista, mas sofreu a lesão.

Antes de voltar ao Peixe, Jean passou por Genoa (ITA), Flamengo, Atlético-PR, Cruzeiro, Oeste, U. Craiova (ROM), Paniliakos (GRE), Buelna (ESP) e Cuiabá.

Uol

terça-feira, 26 de julho de 2016

Empate e lesões colocam Santos em dilema para jogo da Copa do Brasil


Santos tem 'dilema' para encarar o Santos na Copa do Brasil

Na semana passada, o técnico Dorival Júnior optou por alterar o expediente que vinha utilizando na Copa do Brasil. Nas duas primeiras fases da competição, o treinador havia escalado uma equipe completamente reserva para enfrentar o Galvez, do Acre, e o Santos, do Amapá. A medida surtiu efeito, e o time saiu classificado logo nas partidas de ida. Contra o Gama, porém, Dorival decidiu arriscar e colocou em campo no jogo de ida o que tinha de melhor no elenco.

O empate em 0 a 0, no entanto, frustrou os planos do comandante santista, que se viu praticamente obrigado a escalar novamente o Santos com força máxima nesta quarta-feira, às 21h45, na Vila Belmiro, com transmissão, ao vivo, daESPN Brasil e WatchESPN.

Com o confronto completamente indefinido e tendo a obrigação de vencer a partida em casa para não correr o risco de ser eliminado prematuramente da competição nacional, Dorival Júnior provavelmente deve escalar os veteranos Renato e Ricardo Oliveira na quarta-feira. A dupla havia sido poupada no confronto de ida, no Bezerrão.

Para definir a equipe, porém, o treinador terá que avaliar caso a caso no elenco, em conversas particulares com cada jogador. No domingo, diante do Vitória, em Salvador, o meia Lucas Lima foi substituído na segunda etapa da partida por conta de dores na coxa. Além do camisa 20, outros atletas deixaram o gramado com dores.

"Vamos ver quem tem condições. Muita gente saiu reclamando muito da partida e não sei como encontraremos a equipe. Por isso já deixei todo mundo preparado, de repente alguma coisa deva acontecer. Vamos analisar", disse o treinador, logo após a partida de domingo.

O Santos precisa somente de uma vitória simples sobre o Gama para conseguir passar para as oitavas de final da Copa do Brasil. Caso avance, o time paulista saberá seu adversário em sorteio marcado para o dia 02 de agosto.

ESPN

Gabigol pede tempo, e Modesto opina: 'Iria mais maduro daqui a um ano'


Empresário e pais do jogador de 19 anos pediram tempo para pensar e responder proposta da Juventus de 20 milhões de euros. Presidente do Santos dá palpite sobre maturidade

O Estafe de Gabigol não gostou das condições da primeira oferta feita pela Juventus, da Itália, de 20 milhões de euros (R$ 64,8 milhões). Mas mesmo assim, o empresário do jogador, Wagner Ribeiro, e seus pais, pediram um tempo para responder a proposta, segundo o presidente do Peixe, Modesto Roma Júnior, em nova entrevista coletiva dada nesta terça-feira, no CT Rei Pelé. 

- A proposta está dentro da cláusula, não tenho que gostar. Por enquanto, acho que não deve interessar (ao Gabriel). Estou aguardando a resposta do estafe do atleta. O que eles pedem é um prazo para discutir. Tem o que discutir com a Juventus, porque a proposta veio para o Santos. Não fala de salário. Antes de aceitar ou não, o jogador tem que negociar - explicou o dirigente. 


Na oferta de 20 milhões de euros (R$ 72 milhões), o Santos ficaria com 18 milhões de euros (R$ 64,8 milhões) por causa de uma cláusula de liberação que tem no contrato do atacante, que obriga o Alvinegro a liberá-lo por esse valor. No entanto, o acordo implica em Gabriel abrir mão de receber um valor proporcional à sua fatia, o que causou um impasse.

Questionado se este é o momento certo para o jovem de 19 anos se transferir para o futebol europeu, Modesto opinou: 

- Não sou grande entendedor de futebol, esse é o professor Dorival. Entendo pouco de gente e administração. Acho que o Gabriel iria mais maduro daqui a um ano. Maturidade se adquire a cada dia. Quando mais tarde for, mais maduro estará. As coisas acontecem quando devem acontecer. Santos tem um elenco mais que um time. Ano passado seria terrível perder qualquer jogador. Conseguimos ir até o fim sem perder. Esse ano o grupo está mais maduro. Não quero perdê-lo. Prefiro que ele fique. Mas existe uma cláusula que compete a ele dizer se quer ir. Vamos respeitar a vontade do atleta e da família, eles comandam agora. Eles são pessoas sérias e responsáveis pela carreira - concluiu. 

DIVISÃO DO DINHEIRO 

Se o negócio for fechado em 20 milhões de euros. O Santos fica com 18, ou seja R$ 64,8 milhões. No entanto, está em litígio com o Doyen Sports, que possui 20% dos direitos o atleta, e até ocorrer uma resolução na Justiça, deve depositar R$ 12,69 milhões em juízo para o fundo maltês, valor equivalente a 20% que o fundo de investimentos detém. Gabriel ficaria com R$ 7,2 milhões. 

Lance