No peito e na alma !

No peito e na alma !

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Santos empata com Vasco e avança para as quartas da Copa do Brasil



Em uma partida muito movimentada, o Santos conquistou a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil ao empatar por 2 a 2 com o Vasco, nesta quarta-feira, em São Januário. Como venceu o duelo de ida, os paulistas avançaram na competição de mata mata e vai conhecer seu adversário após sorteio na CBF.

O Santos sacramentou a classificação no início do jogo, com gol de Copete. O Vasco ainda empatou na etapa inicial com Nenê. No segundo tempo, os donos da casa viraram com Ederson, mas viram os paulistas empatarem em gol contra de Rodrigo, em jogada controversa.

As duas equipes voltam a campo no sábado. Pela Série A, o Santos vai até Recife para enfrentar o Sport. Já o Vasco terá o confronto direto pela liderança da Série B contra o Atlético-GO, novamente em São Januário.

O jogo – O Vasco tentou pressionar o Santos nos primeiros minutos em busca do gol. No entanto, os santistas logo impuseram seu toque de bola e em um contra-ataque rápido abriu o placar aos 11 minutos. Thiago Maia cruzou pela esquerda, Martín Silva saiu mal e viu Copete finalizar para a rede.

Os cruzmaltinos buscaram o empate depois do revés e por pouco não marcaram aos 13 minutos. Ederson foi lançado na área, mas finalizou na rede pelo lado de fora. O lance animou os donos da casa, que aumentaram a pressão e conseguiram o gol aos 24 minutos. Junior Dutra fez boa jogada pela direita e cruzou para Nenê chutar cruzado, sem chance para Vanderlei.

A partida seguiu movimentada após o empate do Vasco, mas o Santos quase ficou a frente no marcador aos 26 minutos. Vitor Bueno foi lançado na área, mas acabou travado por Rodrigo antes de finalizar. Depois disso, os vascaínos assustaram em dois chutes de fora da área. Primeiro, Douglas obrigou Vanderlei a fazer boa defesa. Depois, Junior Dutra quase acertou o canto do goleiro santista.

Com o passar do tempo, o Santos conseguiu segurar as boas jogadas do Vasco. Os cruzmaltinos continuavam tendo mais posse de bola, mas erravam muitos passes e quase buscavam as jogadas aéreas viam a zaga paulista tirar o perigo. Assim, o duelo foi para o intervalo com a igualdade no placar em São Januário.

No segundo tempo, o Vasco continuou tendo mais posse de bola, mas sem levar perigo ao Santos, principalmente pelo excesso de passes errados. Quase tinha a bola, os visitantes trocavam muitos passes para diminuir o ritmo da partida.

O Santos conseguiu equilibrar o jogo e desperdiçou grande chance aos 23 minutos. Os paulistas aproveitaram roubada de bola no meio e chegaram na área com facilidade. Copete recebeu passe na pequena área, mas Martín Silva se esticou para salvar os cruzmaltinos, que responderam em grande estilo no minuto seguinte. Nenê cruzou pela direita, Gustavo Henrique não cortou o perigo e viu Thalles dar de cabeça ara Ederson colocar na rede.

O gol fez a torcida inflamar em São Januário. Com isso, o Vasco voltou a pressionar e desperdiçou grande chance aos 30 minutos. Nenê lançou Yago Pikachu na área. O lateral tocou para Ederson na pequena área, mas o atacante finalizou para fora.

Quando o Vasco buscava o terceiro, tomou uma ducha de água fria aos 37 minutos. Em contra-ataque rápido, Joel cruzou rasteiro e o zagueiro Rodrigo, ao tentar cortar a bola, colocou na própria rede. Os vascaínos reclamaram muito de falta em Allan no início da jogada.

O revés desanimou torcida e jogadores do Vasco, que não teve mais força de buscar o resultado. Para piorar, nos minutos finais, Andrezinho foi expulso após entrada dura. Assim, o Santos passou a administrar o jogo até o apito final.

FICHA TÉCNICA:
VASCO 2 X 2 SANTOS

Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 21 de setembro de 2016, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins e Mauricio Coelho Silva Penna (ambos do RS)
Renda: R$ 469.245,00
Público: 17.393 pagantes
Cartões amarelos: Diguinho e Douglas (Vasco); Rodrigão e Zeca (Santos)
Cartão vermelho: Andrezinho (Vasco)

GOLS
VASCO: Nenê, aos 24min do primeiro tempo; Ederson, aos 24min do segundo tempo
SANTOS: Copete, aos 11min do primeiro tempo; Rodrigo (contra), aos 37min do segundo tempo

VASCO: Martin Silva, Yago Pikachu, Rodrigo, Luan e Julio Cesar (Allan); Diguinho (Madson), Douglas, Andrezinho e Nenê; Éderson e Júnior Dutra.
Técnico: Jorginho

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno (Elano), Copete e Rodrigão (Joel).
Técnico: Dorival Júnior
Gazeta Esportiva

Nenhum comentário: