No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 8 de abril de 2017

Em má fase, Bueno é defendido por Dorival: “Temos que ter paciência”



Revelação do último Campeonato Brasileiro, Vitor Bueno não vive boa fase no Santos. Com um futebol abaixo do que pode produzir e marcado pelo inacreditável gol perdido contra o Palmeiras, no último dia 19 de março, o meia vem sendo criticado pela torcida. Mesmo assim, o técnico Dorival Júnior deve manter o camisa 7 na equipe titular para o jogo de volta das quartas de final do Campeonato Paulista, contra a Ponte Preta, na próxima segunda-feira, às 20h (de Brasília), no Pacaembu.

O comandante, inclusive, aproveitou a entrevista coletiva desta sexta para defender Bueno das críticas e ainda pediu paciência com o jogador 22 anos.

“Vitor Bueno tem o maior número de gols da equipe e é o jogador que mais deu passes para gols. Precisamos ter um pouco de paciência com o atleta nesse momento um pouco instável. A instabilidade é da equipe, não só dele. Cabe a nós reverter. Não vejo motivo para nos alertarmos. Essa equipe pode dar um retorno bem rápido a uma situação que se mostra um pouco instável”, defendeu o treinador.

Com a provável presença de Bueno e ainda contando com o retorno de Zeca, o técnico Dorival Júnior deve escalar o que tem de melhor diante da Macaca, com Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Verissimo, David Braz e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.

No jogo de ida das quartas de final do Paulistão, o Peixe perdeu para a Ponte por 1 a 0, em Campinas, com gol de William Pottker. Para conseguir a classificação, a equipe santista precisa vencer por dois gols de diferença. Uma vitória simples levará a decisão para os pênaltis. Caso seja derrotado ou a partida termine empatada, o alvinegro estará eliminado do Estadual. Gazeta Esportiva

Nenhum comentário: