No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 24 de setembro de 2016

Dorival reclama de maratona, elogia Santos em derrota e evita críticas a juiz


Técnico lamenta pouco tempo de recuperação após duelo da Copa do Brasil, mas aprova desempenho contra o Sport; treinador foge de polêmica sobre árbitro

O técnico Dorival Júnior elogiou sua equipe e relativizou a derrota para o Sport, neste sábado, por 1 a 0 na Ilha do Retiro. Ele apontou a maratona enfrentada pela equipe como motivo pelo rendimento abaixo do esperado no Recife e se esquivou ao comentar a atuação da arbitragem, que gerou reclamações dos alvinegros.

Dorival admitiu que os donos da casa foram melhores no primeiro tempo, mas viu seu time equilibrar o confronto após o gol de Rogério. Ele lamentou o pouco tempo de recuperação entre o duelo com o Vasco, pela Copa do Brasil, na última quarta, e a partida deste fim de semana.

–Tivemos um jogo desgastante e hoje, mesmo com todas as dificuldades, tentamos o gol a todo custo. A equipe não se omitiu – analisou.

Ele culpou a sequência de jogos pela lesão sofrida por Vitor Bueno, no segundo tempo.

– Jogar numa quarta e estar em campo novamente em dois dias e meio, fica impossível alcançar um rendimento de alto nível.

Santos jogou na quarta, contra o Vasco, antes de pegar o Sport, neste sábado (Foto: Aldo Carneiro (Pernambuco/Press))

Dorival só esteve no banco do Santos em Recife por causa de um efeito suspensivo conseguido pelo clube na véspera do confronto – ele havia sido punido pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) com suspensão de dois jogos pelos protestos feitos na derrota para o Internacional na 23ª rodada.

Até por isso, tangenciou ao ser perguntado sobre a atuação do árbitro Elmo Alves Resende Cunha, que não marcou um pênalti pedido pelos santistas no segundo tempo e, depois, expulsou Elano por reclamação.

– Não, não quero falar de arbitragem. Está terrível, você fala uma coisa e é penalizado. Vamos continuar vendo isso, erros e acertos. Muitos erros decisivos, que influenciam resultados. Mas prefiro ficar por aí – disse.

Mesmo com a derrota, o Santos não perde seu lugar no G-4 nesta rodada: é o quarto colocado, com 45 pontos, quatro a mais do que o Corinthians, que joga neste domingo contra o Fluminense. Na próxima rodada o Peixe recebe o Atlético-PR, sábado, na Vila Belmiro.
Globoesporte.com

3 comentários:

:.tossan® disse...

Estão vendo o que deu a molecagem do presidente fajuto do Santos? Valentão e burro!
- Vou fazer uma representação na CBF ... e chamou todo mundo de ladrão(não que não o sejam).
Agora em todas as partidas os apitadores vão prejudicar o Peixe. Eles são unidos mesmo que seja na marmelada.
Marcelo Teixeira e Santos estão muito mal representados com Modestinho moleque velho. Muito!
Dorival pra mim já chega. Abraço

Mundo dos Mascotes disse...

Olá amigos do Blog Glorioso. Tenho uma pesquisa que mostra que o Santos tem o primeiro mascote do Brasil. Gostaria de compartilhá-la no blog. Qual é o endereço para enviar o link? jornalista07@yahoo.com.br

José Natal Peixoto disse...

Nós, torcedores que amamos o Santos F.C. estamos angustiados, desperançados. O 2015 volta à nossa memória. Na copa do Brasil, com esse futebol medíocre que estamos jogando, até podemos passar pelo Internacional, mas a semifinal e a final? Com o futebol que estamos jogando não chegaremos lá. Como aconteceu em 2015, temos chances nas duas competições, mas quando chega à reta final, o Santos perde jogos incríveis e se afasta da zona de classificação. Vamos repetir o 2.015?Tudo indica que estamos caminhando para isso. O Dorival Júnior viu um jogo e nós torcedores vimos outro. Falar que o Santos foi bem contra o Sport é ridículo. No Santos só há três atletas jogando bola: Vanderlei, Gustavo Henrique e Renato. O restante é uma baba. Desde o último jogo do turno contra o América mineiro, o futebol que o Santos tem apresentado é ridículo. América, Coritiba, Figueirense, Internacional, agora o Sport, com exceção do primeiro jogo contra o Vasco Pela Copa do Brasil, nos demais jogos o futebol apresentado pelo Santos é ridículo. Parece não ter um padrão de jogo. Parece que nunca treinaram e jogaram juntos. Falta Intensidade, falta técnica, falta tudo, só correria desorganizada. O futebol do Rodrigão é euma vergonha. Quando o Vitor Bueno se machucou, colocar o Elano foi uma péssima ideia. O que o Dorival queria? Garantir o resultado? Elano não é atacante, está sem ritmo de jogo. Só experiência não joga bola. O futebol que o Santos está jogando é pra acabar com o piqui do Goiás. Ainda bem que o Corinthians perdeu. O próximo alerta é o atlético paranaense. Quando o Dorival fala que o Santos jogou bem ele quer enganar a quem? A maratona é para todo mundo. O que falta no Santos é dedicação, é comprometimento. Os salários estão atrasados outra vez? Os atletas do Santos estão esperando outra vez a abertura da janela europeia de transferências? Olho só no dinheiro?Jogar bola nada? Honrar a camisa do Santos nada?