No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Santos apostará em contra-ataques e compactação por vaga nas quartas


Peixe faz treinos fechados antes de partida decisiva contra o Corinthians, mas atletas destacam força do contra-ataque da equipe. Clássico será nesta quarta-feira, às 22h

O Santos irá à Arena Corinthians, na noite desta quarta-feira, podendo perder para os donos da casa por até um gol de diferença, mas não quer apenas se defender. A equipe comandada pelo técnico Dorival Júnior tentará aproveitar os contra-ataques cedidos pelo Timão, na partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, às 22h (de Brasília).

Durante a semana, o treinador do Peixe fechou os treinamentos no CT Rei Pelé. Os jogadores, porém, admitem que a força do contra-ataque do time é reconhecida e será utilizada contra o Corinthians. Para superar a pressão adversária, o Alvinegro Praiano aposta na compactação rápida da defesa, para diminuir os espaços, assim como fez no confronto de ida, na Vila Belmiro.

Mesmo podendo perder, já que venceu o primeiro duelo por 2 a 0, o Santos descartou, desde a última quinta-feira, ficar apenas na defesa, na partida de volta. Já o Timão precisa vencer por três gols de diferença para eliminar o rival. Por isso, deve aproveitar a força da torcida, já que jogará em casa, para tentar reverter o placar adverso.

– Não é segredo que temos um contra-ataque bom e rápido. O Dorival vai montar a estratégia ideal. Confiamos demais nele. Acho que o principal é não se defender, apenas. É jogar da mesma forma que jogamos no primeiro jogo. Um gol nos dá uma condição favorável – disse o lateral-direito Victor Ferraz.


Apesar de Dorival Júnior não ter mostrado qual escalação utilizará nesta quarta-feira, o Peixe não deve ter mudanças em relação ao time que foi titular na Vila Belmiro. A equipe deve entrar em campo na Arena Corinthians com: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia, Renato e Lucas Lima; Gabriel, Ricardo Oliveira e Geuvânio.

Globoesporte.com

Nenhum comentário: