No peito e na alma !

No peito e na alma !

terça-feira, 17 de março de 2015

Com gol de Robinho, Santos vence mas não evita jogo de volta contra o Londrina


O Santos demorou para exerceu sua superioridade, mas conseguiu vencer o Londrina, no Estádio do Café, na estreia da Copa do Brasil, por 1 a 0, nesta terça-feira, mantendo a sina de não eliminar o jogo da volta na primeira fase da competição, que exige uma vitória por pelo menos dois gols de diferença. A equipe nunca conseguiu restringir a disputa nessa etapa do torneio a um jogo só. 

Antes de dar trabalho ao goleiro Vitor, o Peixe levou um susto, com um gol do Londrina pelo alto, aos sete minutos da primeira etapa, que foi anulado por impedimento.

A primeira chance alvinegra aconteceu aos 18 minutos, quando Ricardo Oliveira, em busca do gol de número 250 na carreira, acertou a trave. A partir daí, o domínio santista começou. Mesmo assim, os donos da casa ainda responderam, com uma cobrança de falta defendida por Vanderlei, acostumado a fechar o gol no Estádio do Café, onde foi revelado, pelo próprio Tubarão.

O Santos só balançou as redes no início do segundo tempo, quando o árbitro marcou um pênalti duvidoso, ao Germano defender uma bola, sem ficar claro se foi com o braço ou com o ombro, dentro da área. Robinho, sem titubear, colocou a bola alta no canto direito, abrindo o placar. Com isso, o Rei do Drible chega ao quinto gol no ano, se sagrando artilheiro da equipe em 2015. Ainda assim, o Londrina criava jogadas de ataque, principalmente com o meia Celsinho.

Já o Peixe, diminuiu a ansiedade e só administrou a partida, passando a se arriscar menos e, consequentemente, sair com pouca frequência para o jogo. No ataque, principalmente Geuvânio, Lucas Lima e Robinho sofreram mais com os buracos no gramado. Sendo assim, o camisa 7 resolveu jogar pelo alto e, de longe, arriscou um chute que foi salvo pelo goleiro Vitor, que defendeu até o rebote, na cabeçada de Oliveira.

A postura de nenhuma das duas equipes mudou até o fim do jogo e ainda assim o Londrina tomou conta dos ataques, buscando o empate, mas sem êxito. O Peixe até reagiu nos contra-ataques, também sem sucesso para ampliar o placar.

Sem saber o que se passava entre Botafogo-SP e Penapolense pelo Paulistão - segundo colocado do grupo D do Estadual - os comandados de Marcelo Fernandes bateram o Londrina enquando o Peixe se classificava precocemente para as quartas de final do Campeonato Paulista.

Com o resultado, o Alvinegro, que segue invicto no ano, receberá o Londrina na Vila Belmiro, no dia 16 de abril. Desde 1996, quando mudou o regulamento da disputa, o Santos nunca decidiu de primeira. Já no Paulistão, o Peixe foi o primeiro time a obter vaga nas quartas de final. Isso aconteceu após o Penapolense ser derrotado pelo Botafogo por 2 a 0. Com isso, a equipe alvinegra não pode mais ser alcançada pelo terceiro colocado do seu grupo. 

FICHA TÉCNICA
LONDRINA 0 x 1 SANTOS

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data/hora: 17 de março de 2015, às 19h30
Árbitro: Paulo Henrique de Melo Salmazio (MS)
Assistentes: Leandro dos Santos Ruberdo e Sérgio Alexandre da Silva (ambos do MS)
Público/Renda: 10.917 pagantes/ R$ 396.370, 00
Cartões amarelos: Paulinho, Germano e Dirceu (LON); Lucas Lima e Valencia (SAN)
Cartões vermelhos: -

GOL: Robinho, aos 8'/2ºT (0-1);

LONDRINA: Vitor, Lucas Ramon, Dirceu, Silvio e Lino; Diogo Roque, Germano, Léo Maringá e Celsinho (Koffi, aos 21'/2ºT); Arthur e Paulinho (Wéverton, aos 25'/2ºT). Técnico: Cláudio Tencati.

SANTOS: Vanderlei, Cicinho, Werley, David Braz e Victor Ferraz; Valencia, Renato e Lucas Lima; Geuvânio, Robinho (Gabriel, aos 41'/2ºT) e Ricardo Oliveira (Thiago Ribeiro, aos 30'/2ºT). Técnico: Marcelo Fernandes.

Lancenet

Nenhum comentário: