No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 28 de janeiro de 2017

Linha alta e pressão na saída: Santos vai fazer testes táticos em amistoso


Técnico Dorival Júnior quer aperfeiçoar sistema tático do time no duelo do Peixe contra o Kenitra, do Marrocos, neste sábado, às 18h30 (de Brasília), no Pacaembu

O Santos encara o Kenitra, do Marrocos, como um teste para o início do Campeonato Paulista. O amistoso deste sábado, às 18h30 (de Brasília), no Pacaembu, vai servir para o técnico Dorival Júnior colocar em campo algumas variações na formação tática que ele usou no ano passado.

O Peixe vai manter a forma de jogar nas primeiras semanas da temporada, mas quer aperfeiçoar alguns detalhes, como a linha de defesa alta, pressão na saída de bola e compactação.

Um dos objetivos da equipe de Dorival é que seus zagueiros estejam no campo de ataque adversário. No jogo-treino contra o Nacional, na última terça-feira, os santistas venceram por 9 a 1, e quatro gols vieram de roubadas de bola. Volante, Yuri vai atuar mais uma vez na defesa e vai ser o único beque. Assim o time ganha melhor passe e velocidade. 

– Os jogadores estão procurando executar aquilo que foi trabalhado ao longo deste período. Uma compactação melhor, uma marcação intensa e saída de bola com qualidade. É isso que queremos ver. O que menos importa será o resultado do jogo. Quero muito mais ver a praticidade em campo, aquilo que os jogadores conseguem desenvolver – explica Dorival Júnior.

O Santos vai ter desfalques para enfrentar o Kenitra: David Braz, Leandro Donizete e Ricardo Oliveira estão no departamento médico. Cleber fez o primeiro treino com o restante dos companheiros nesta sexta-feira e Bruno Henrique foi à Alemanha para resolver detalhes da mudança.

Três reforços vão poder estrear pelo Peixe: o lateral-direito Matheus Ribeiro e os atacantes Vladimir Hernández e Kayke. Os três devem começar a partida no banco de reservas. 

O provável Peixe tem Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Yuri e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Rodrigão. Globoesporte.com

Nenhum comentário: