No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 11 de março de 2015

Em reencontro na Vila Belmiro, Robinho promete caneta em Arouca

Ex-companheiros estarão frente a frente pela primeira vez após transferência do volante para o Palmeiras. Clássico será disputado nesta quarta-feira, às 22h

Santos e Palmeiras se enfrentam nesta quarta-feira, às 22h (horário de Brasília), pela nona rodada do Campeonato Paulista. O clássico representa mais do que o primeiro encontro das duas equipes em 2015: marcará o retorno de Arouca à Vila Belmiro após a transferência conturbada no início da temporada para o Verdão. 

A história do volante no Peixe foi marcante. Ele fez parte do elenco alvinegro mais vitorioso após a era Pelé, com seis títulos entre 2010 e 2014, mas deixou o clube de forma nada amistosa, por meio de rescisão intermediada pela Justiça do Trabalho. No Palmeiras, Arouca rapidamente conquistou a vaga de titular.

Do outro lado estará Robinho, principal nome santista e com quem Arouca jogou em 2010 e 2014. Conhecido pela personalidade dentro e fora dos gramados, com dribles e provocações aos rivais, o atacante santista promete dar trabalho ao adversário.

– (Arouca) vai tomar caneta e espero que o Santos vença – disse Robinho, em tom de brincadeira, ao GloboEsporte.com. 

Enquanto o atacante se prepara para passar por Arouca dentro de campo, a intenção do Verdão é clara: ter o volante como “espião” e utilizar eventuais represálias ao atleta como fator motivacional. 

– Claro que haverá algumas manifestações pela saída recente de dois jogadores, no caso do Aranha e do Arouca, mas temos de tirar algo positivo disso de alguma forma, estratégica ou motivacional. Às vezes, você se torna até um pouco espião. O Arouca pode trazer dicas positivas para que possamos buscar algo a mais para esse jogo – afirmou Zé Roberto, jogador mais experiente do elenco palmeirense. Tricampeão paulista, campeão da Taça Libertadores da América, da Recopa Sul-Americana e da Copa do Brasil: Arouca ganhou praticamente tudo que era possível pelo Santos, com 267 jogos disputados e seis gols marcados. O volante está sendo "blindado" pelo Verdão e não dará entrevistas nesta semana antes do clássico.

No Palmeiras, chegou como um dos principais reforços entre os 19 contratados pelo novo departamento de futebol. Além dele, o goleiro Aranha também fez o caminho direto da Baixada Santista para São Paulo, mas este segue como reserva de Fernando Prass, enquanto o volante é titular absoluto. 

O Palmeiras não vence o Santos desde 5 fevereiro de 2012, quando fez 2 a 1, em Presidente Prudente. Nos últimos sete jogos, foram cinco vitórias do Peixe e dois empates. Na Vila Belmiro, o jejum é ainda maior: a última vez que o Verdão saiu vitorioso do estádio rival foi em 3 abril de 2011: 1 a 0, gol de Kléber Gladiador. 

Uol Esporte

Nenhum comentário: