No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Thiago Ribeiro elogia Robinho e quer Santos apostando nos contra-ataques contra Atlético-MG

Após quase ser emprestado no começo do ano, Thiago Ribeiro ganhará sua primeira sequência como titular do Santos em 2017. Após começar jogando contra o São Paulo, no último domingo, o atacante também iniciará o jogo diante do Atlético-MG, seu ex-clube, nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), no estádio Independência, pela 13ª rodada do Brasileiro.

Agora substituindo Copete, suspenso pelo terceiro amarelo, Thiago Ribeiro acredita que o time precisará apostar nos contra-ataques para sair de Minas Gerais com um bom resultado.


“Tem pouco tempo que saímos do Atlético (ele e Donizete). Sabemos como é jogar no Independência. O Atlético procura sufocar o adversário. Vai ser jogo duro, difícil, mas sabemos que vamos ter o contra-ataque, espaço… É natural de um time que tenta se impor em casa. Temos time perigoso e rápido para explorar isso e vencer o jogo. Temos em nossa mente de ir lá procurar se defender bem e no momento que tiver a bola, personalidade para jogar e por o Atlético em dificuldades. Donizete vai jogar também, conhece o Atlético e o Independência, experiente. Contamos com a experiência de conhecer o ambiente. Vai poder contribuir, marcando forte e dando segurança atrás. E na frente, temos que ser letais”, explicou o atacante em entrevista coletiva na manhã desta terça-feira, no CT Rei Pelé.

Ídolo do Santos e uma das principais estrelas do rival, Robinho não vive bom momento em Belo Horizonte. Após ser um dos artilheiros do time em 2016, o ex-santista vem convivendo com a seca de gols e as críticas de torcida atleticana. Porém, para Thiago Ribeiro, a má fase do atacante não apaga a capacidade dele no jogo desta quarta.

“Robinho é um grande jogador, conhecemos bem. Qualidade técnica muito grande, poder de definição alto. É um jogador que temos que estar atentos, mas não só ele. Eles têm jogadores com capacidade para decidir em um lance. Podem não estar bem no jogo, mas podem decidir. A gente acompanha, sabe que a imprensa e a torcida têm pegado no pé do Robinho devido ao momento, mas é normal, acontece com todos, até os grandes jogadores passam por momento de instabilidade. Isso não pode deixar nós relaxados, temos que estar mais ligados ainda. Vai querer mostrar serviço para virar a página. Jogar no Independência é sempre difícil”, concluiu.

Nenhum comentário: