No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 1 de julho de 2017

Após negar Europa, Guedes enfim volta a ter chances no Santos: 'Estou preparado'



O Santos esteve muito perto de perder Daniel Guedes no início deste ano. Recebendo sondagens de Botafogo, Napoli e Hamburgo, o lateral-direito só continuou por um opção dele. Mesmo com pouco espaço com o técnico Dorival Júnior, o jovem de 23 anos decidiu permanecer e esperar por uma oportunidade no futuro. E ela finalmente chegou.

Por conta da ausência de Victor Ferraz, liberado para acompanhar o nascimento do filho, Daniel Guedes será titular neste sábado, às 19h (de Brasília), no duelo contra o Atlético-GO, no estádio Olímpico, em Goiânia, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“Recebi algumas propostas. Mas escolhi permanecer no clube pois tenho certeza que tenho muita coisa para viver aqui ainda. Não posso ir contra as minhas convicções. O Santos é um clube que admiro, respeito e amo. Vou ganhar muitas coisas aqui ainda. Escolhi ficar pois sabia a chance apareceria e ela apareceu”, comemorou o santista.

Além da concorrência com Ferraz na última temporada, Guedes ainda ganhou a companhia de Matheus Ribeiro nesta temporada. O lateral ambidestro, que foi contratado junto ao Atlético-GO, chegou com ‘pompa’ para ser o primeiro reserva da lateral-direita.

A concorrência não desanimou Daniel Guedes, que continuou ‘quietinho’. Com as más atuações de Ribeiro, o ‘Menino da Vila’ recebeu a primeira grande oportunidade do ano no último dia 11, contra o Atlético-PR, pela Brasileiro. Apesar da expulsão na Arena da Baixada, o lateral recebeu elogios da torcida e ganhou outra chance neste sábado.

Santos: 'Estou preparado'

IVAN STORTI/SANTOS FC

O Santos esteve muito perto de perder Daniel Guedes no início deste ano. Recebendo sondagens de Botafogo, Napoli e Hamburgo, o lateral-direito só continuou por um opção dele. Mesmo com pouco espaço com o técnico Dorival Júnior, o jovem de 23 anos decidiu permanecer e esperar por uma oportunidade no futuro. E ela finalmente chegou.

Por conta da ausência de Victor Ferraz, liberado para acompanhar o nascimento do filho, Daniel Guedes será titular neste sábado, às 19h (de Brasília), no duelo contra o Atlético-GO, no estádio Olímpico, em Goiânia, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“Recebi algumas propostas. Mas escolhi permanecer no clube pois tenho certeza que tenho muita coisa para viver aqui ainda. Não posso ir contra as minhas convicções. O Santos é um clube que admiro, respeito e amo. Vou ganhar muitas coisas aqui ainda. Escolhi ficar pois sabia a chance apareceria e ela apareceu”, comemorou o santista.

Além da concorrência com Ferraz na última temporada, Guedes ainda ganhou a companhia de Matheus Ribeiro nesta temporada. O lateral ambidestro, que foi contratado junto ao Atlético-GO, chegou com ‘pompa’ para ser o primeiro reserva da lateral-direita.

A concorrência não desanimou Daniel Guedes, que continuou ‘quietinho’. Com as más atuações de Ribeiro, o ‘Menino da Vila’ recebeu a primeira grande oportunidade do ano no último dia 11, contra o Atlético-PR, pela Brasileiro. Apesar da expulsão na Arena da Baixada, o lateral recebeu elogios da torcida e ganhou outra chance neste sábado.

“O futebol é muito dinâmico. Esse período de ficar sem ser relacionado fez ou faz parte da carreira de todo o jogador de futebol. Durante esse tempo eu procurei treinar e me esforçar ao máximo para estar preparado quando a oportunidade aparecesse, pois sabia que ela apareceria. Costumo dizer que pior do que não receber chances, é receber e não estar preparado. Me preparei e vou aproveitar meu momento com muita alegria”, explicou.

Porém, Guedes não deve atuar ao lado dos principais atletas do Santos. Afinal, o técnico Levir Culpi poupou sete titulares no treino da última sexta-feira e deve levar um time praticamente reserva diante do Atlético-GO.

Pensando no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, contra o Atlético-PR, na próxima quarta-feira, na Vila Capanema, o Santos deve entrar em campo neste sábado com: Vanderlei, Daniel Guedes, Noguera, David Braz e Caju; (Thiago Maia) Alison, Yuri e Vitor Bueno; Vladimir Hernández, Arthur Gomes e Kayke. espn

Nenhum comentário: