No peito e na alma !

No peito e na alma !

domingo, 11 de junho de 2017

Menos armação, mais velocidade: como o Santos vai enfrentar o Atlético-PR


No último jogo antes de passar o bastão para Levir Culpi, o técnico interino Elano aposta em Vitor Bueno como meia e na força de Copete e Bruno Henrique pelas pontas

A torcida do Santos pode esperar um time mais rápido contra o Atlético-PR neste domingo, às 19h (de Brasília), na Arena da Baixada, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

Antes de passar o bastão para Levir Culpi, que assumirá o comando do elenco na segunda-feira, o interino Elano promoveu quatro mudanças técnicas no time titular no treinamento deste sábado: Daniel Guedes, Jean Mota, Bruno Henrique e Copete. Outra novidade é tática: Vitor Bueno como armador.


Vitor Bueno será o responsável pela armação santista (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Nas laterais, provavelmente sem Victor Ferraz (com dores na garganta) e Matheus Ribeiro barrado, Daniel e Jean mantém as características. No ataque, porém, a equipe ganha mais força e velocidade.

Sai o cadenciador Vecchio para Bueno ser o meia. Em seu lugar no ataque, entra Copete, mais rápido e forte. Bruno Henrique retorna na vaga de Arthur Gomes. Com as alterações, Elano espera por um time de maior combate na marcação e mais eficiente no contra-ataque.

A expectativa também é por uma formação forte na bola aérea. Daniel Guedes e Jean Mota têm facilidade no cruzamento. Bruno Henrique (1,84m), Copete (1,87m) e Kayke (1,82m) são altos e perigosos nos cabeceios. Globoesporte

Nenhum comentário: