No peito e na alma !

No peito e na alma !

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Braz vê Santos forte na Libertadores, mas quer evitar um adversário

Apesar da invencibilidade no campeonato, zagueiro do Peixe afirma que, se pudesse, não gostaria de jogar novamente contra o The Strongest, na Bolívia: 'É uma equipe forte'


David Braz igualou o número de gols de Ricardo Oliveira na temporada (Ivan Storti / Santos FC)

Mesmo com a classificação antecipada do Santos e com a liderança do Grupo 2, o zagueiro David Braz não quer reencontrar um dos adversários na Libertadores: o The Strongest, da Bolívia. O camisa 14 define o rival como forte e experiente e afirma que, se pudesse, não gostaria de enfrentá-lo novamente.

- Todos os adversários tem totais condições de chegar ao título e nós vamos lutar contra eles por isso. Conversei com meus companheiros e um time que temos experiencia é o The Strongest, uma equipe forte, principalmente na sua casa. Tem a dificuldade da altitude.. Se fosse pra escolher uma equipe que não queria enfrentar é o Strongest. Foi um jogo difícil contra eles, mas todos serão difíceis, vamos ter que estar preparados pra enfrentar as dificuldades - explicou.

Com o mesmo número de gols do atacante Ricardo Oliveira, o defensor vibra com a conquista, mas ressalta que não importa quem marque, o importante é continuar balançando as redes. 

- São dois jogos e três gols, pela primeira vez. Já havia feito dois gols em outras partidas, ano passado contra o Vitória e o Botafogo. Não é minha função, mas estamos trabalhando bastante na bola parada e graças a Deus todos que estão na área tem feito gols. Ricardo contra o The Strongest, Veríssimo contra o Santa Fe e agora tive a oportunidade contra o Sporting Cristal. Estou muito feliz - concluiu.

O Peixe tem intensificado o treino de bola parada e cruzamentos. Nas últimas semanas foi uma das principais atividades comandada pelo técnico Dorival Júnior.

O próximo desafio do Alvinegro é no domingo, contra o Cruzeiro, às 16h, na Vila Belmiro, pela terceira rodada do Brasileirão. Lance

Nenhum comentário: