No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 25 de março de 2017

Dorival admite lentidão, mas valoriza vitória do Santos após maratona

Técnico diz que Peixe sentiu sequência de três jogos em uma semana e minimiza falta de velocidade na vitória sobre Santo André. Empate do Mirassol garante classificação

O Santos não fez uma grande partida, mas venceu o Santo André por 1 a 0, no ABC, neste sábado, pelo Paulistão. Com o resultado e o empate sem gols entre Mirassol e Novorizontino o Peixe carimbou a classificação para o mata-mata do Paulista. Resta saber apenas a colocação do time: se vai como líder ou segundo colocado do Grupo D, o que será definido na última rodada da primeira fase.

O técnico Dorival Júnior admite que o time não mostrou a mesma intensidade de outros jogos, mas explica isso se deve à sequência de jogos a que o time foi submetido.

O Peixe enfrentou o Palmeiras no domingo, São Bento na quarta e Santo André neste sábado. Sempre com um só dia de treinamento antes de entrar em campo. 

– Nas últimas partidas, desde o Palmeiras, jogamos com um dia só de recuperação. Sábado, 15h, em um sol desse... Isso acaba tirando a velocidade do espetáculo, dos dois lados. Nós sentimos mais em razão do menor tempo de recuperação, mas passamos fortes pelos três jogos. Mesmo na derrota do Palmeiras, fomos bem e estamos crescendo, amadurecendo, melhorando, e com expectativa de boa fase final – disse Dorival, logo após a vitória sobre o Santo André.

Dorival exaltou o elenco santista, que teve a base do ano passado mantida, além de contar com a chegada de reforços pontuais para a temporada. 

– É justamente esse elenco, essa montagem dando resposta muito boa. Tem feito com que nossa equipe cresça. Temos atletas para o meio, para trás, que mantêm a mesma postura. Foi o maior ganho do Santos para esse ano – analisou o comandante.

Mesmo sem muita inspiração, o Alvinegro criou boas chances de gol, principalmente com Ricardo Oliveira, mas desperdiçou. Só que Dorival não está preocupado com a falta de pontaria. 

– É um fato natural, vai acontecer, e daqui a pouco voltaremos a fazer gols dentro da normalidade. O mais importante é criar. Me preocuparia se não tivéssemos criando. É questão de tempo, todos sabem fazer gols, temos confiança, e o crescimento se consolida em razão desse ambiente que nós temos – completou o treinador.


Com a vitória no ABC, o Santos pode se classificar às quartas de final ainda neste sábado, se o Mirassol não vencer o Novorizontino fora de casa, às 18h30. Outra possibilidade de avançar com uma rodada de antecedência é a Ponte Preta perder para o São Bento neste domingo. O Peixe vai encerrar a primeira fase contra o Novorizontino na quarta-feira, 21h45, na Vila Belmiro.

Nenhum comentário: