No peito e na alma !

No peito e na alma !

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Santos pega o Ituano para esquecer pior início de Paulista em cinco anos

Atual bicampeão paulista e vice do último Brasileirão, o Santos começou 2017 com o pé direito. Afinal, a equipe comandada por Dorival Júnior bateu Linense e Red Bull Brasil, marcou nove gols e assumiu a liderança do grupo D, com seis pontos. Porém, após o revés para o São Paulo, na última quarta-feira, a coisa desandou pelos lados da Vila Belmiro. No sábado, nova derrota, desta vez para a Ferroviária, também no estádio Urbano Caldeira. Além de ficar fora da zona de classificação para as quartas de final do Paulistão, o Peixe alcançou uma marca indigesta, registrando seu pior início no torneio estadual nos últimos cinco anos.

Na ocasião, em 2012, a equipe era treinada por Muricy Ramalho e ainda tinha Neymar e Ganso como estrelas. Os dois, porém, não atuaram nas três primeiras rodadas, assim como boa parte do time que havia perdido por 4 a 0 para o Barcelona, na final do Mundial de Clubes do ano anterior. A disputa do torneio no Japão atrasou a pré-temporada do elenco. Para completar, o alvinegro também não contava com a Vila Belmiro, que passava por uma reforma no gramado.

Em 2012, o Santos de Neymar ganhou uma e empatou três partidas nas quatro primeiras rodadas (Crédito: Fernando Dantas/Gazeta Press)

O duelo contra o Oeste, pela quarta rodada, foi a estreia de Neymar em 2012 (Crédito: Fernando Dantas/Gazeta Press)

No duelo contra o Oeste, válido pela quarta rodada do Paulistão de 2012, Neymar e Ganso estrearam na temporada, mas não conseguiram evitar o empate em 1 a 1, na Arena Barueri, que deixou o Santos com seis pontos em quatro jogos, desempenho igual ao deste ano. No jogo seguinte, os comandados de Muricy Ramalho ainda perderam para o rival Palmeiras por 2 a 1, em Presidente Prudente, e só reagiram na sexta rodada, após triunfo sobre o Botafogo-SP.

Mas apesar do retrospecto ruim, os santistas que acreditam em superstições podem ficar mais animados para o restante do Paulista. Afinal, mesmo com o início ruim em 2012, o alvinegro alcançou a recuperação e sagrou-se tricampeão do torneio. Atualmente com duas conquistas em sequência (2015 e 2016), os comandados de Dorival Júnior podem repetir o feito nesta temporada.

Porém, para seguir trabalhando com tranquilidade em busca do tri, o Peixe precisa bater o Ituano, nesta terça-feira, às 21h30 (de Brasília), no estádio Novelli Júnior, em Itu, pela quinta rodada do Paulistão deste ano. Gazeta Esportiva

Nenhum comentário: