No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 25 de fevereiro de 2017

No dia da 100ª vitória, Dorival celebra recuperação e explica briga

Técnico chegou à centésima vitória no comando do Peixe, mas minimizou o número em detrimento da atuação do Peixe. No fim, pediu calma a alguns torcedores


O técnico Dorival Júnior chegou à centésima vitória no comando do Santos, após o jogo deste sábado, contra o Botafogo-SP. No entanto, o número ficou em segundo plano pelo próprio treinador, que preferiu exaltar a recuperação do Peixe, que voltou a vencer após três jogos.

- Centésima vitória é importante, mas é um número. Nada além disso. Nossa intenção é voltar a ter a equipe vibrante, competitiva. Jogando o que sempre jogou, com confiança. Fico feliz de estar à frente de um grupo que dá resposta positiva em todos os momentos, em todas as situações, mesmo agora nesse entrevero. Parece que tudo que foi realizado não tem valor, lamento esse tipo de situação, mas jogadores têm força, vibração e vão muito fortes em busca de classificação e briga por uma vaga nas finais - disse em sua entrevista coletiva.

No fim, Dorival chegou a se dirigir a alguns torcedores na arquibancada. Segundo ele, apesar de ser uma discussão, a conversa serviu para acalmar os ânimos.

- Pedi calma apenas. Sempre tem uns três ou quatro engraçadinhos. Estavam brigando com os jogadores, quiseram iniciar uma discussão com os dois que foram comemorar no banco. Pedi calma e que torcessem em vez de ter atitudes como essa - explicou.

No fim, Zeca, ainda bravo com a situação, chutou uma bola para a arquibancada e foi contido.

O Peixe se reapresenta na terça-feira, no período da tarde. Lance

Nenhum comentário: