No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 25 de fevereiro de 2017

'Jogando por Dorival', Santos faz teste final antes de dérbi e Libertadores



Um teste final antes de o ano 'começar pra valer'. Assim pode ser encarado o jogo deste sábado (25), contra o Botafogo de Ribeirão Preto, na Vila Belmiro, pela sexta rodada do Campeonato Paulista. O duelo antecede, além do clássico contra o Corinthians, dia 4 de março, a estreia do Santos na Libertadores, dia 9, diante do Sporting Cristal, no Peru.

Em baixa após três jogos consecutivos sem vitórias na competição estadual, o Santos tem neste sábado (25), na Vila, a chance de fazer as pazes com os torcedores – ou ao menos amenizar a relação com eles. Nos últimos dias, os protestos saíram das arquibancadas e chegaram à porta dos vestiários da Vila e até ao CT, com invasão e conversa com Dorival e Elano.

Dorival Júnior, aliás, é o mais contestado pelos aficionados santistas. Chamado de 'burro' pelos torcedores após a derrota para a Ferroviária, na semana passada, ele conta com o apoio dos jogadores, que admite até 'jogar pelo técnico' na partida deste sábado (25).

"Claro [que é preciso jogar pelo técnico]. Dorival é uma pessoa que ajuda muito a gente. Vamos jogar por nós, pela comissão [técnica], pelos jogadores. Somos uma família. Vamos procurar nos ajudar e encarar esse jogo como uma final", disse Yuri, volante de origem mas que vem sendo utilizado como zagueiro por Dorival.

Mais contundente que o companheiro, o experiente Ricardo Oliveira diz não entender a pressão da torcida em cima não apenas de Dorival Júnior, mas de todo o elenco santista.

"É bom a gente entender que tem pessoas de fora, que são rivais, que sabem a força que nós temos. O que eu não consigo entender é que a minha torcida, conhecendo os jogadores que tem, time há dois anos juntos, que tem dado o seu melhor e que nunca deixou de honrar camisa, não esteja do meu lado. É hoje que eu preciso", afirmou o atacante.

Ricardo Oliveira, aliás, é a principal novidade do Santos para encarar o Botafogo-SP. Depois de passar por um período de trabalho intenso para recuperar a forma física ideal, o camisa 9 – que foi desfalque contra o Ituano, poupado – está de volta à equipe titular.

O técnico santista não confirma o time, e duas posições não foram confirmadas. Na zaga, Cléber e Lucas Veríssimo são os favoritos para formar dupla com Yuri. Já no setor ofensivo, Vitor Bueno deve ser recuado para a posição de meia, já que Lucas Lima e Léo Cittadini estão machucados. Com isso, Thiago Ribeiro ou Bruno Henrique aparecia no ataque. Jean Mota, recuperado de contusão, ainda deve iniciar o confronto no banco de reservas.

SANTOS X BOTAFOGO-SP

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 25/02/2017 (sábado)
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP) 
Assistentes: Gustavo Rodrigues de Oliveira e Vitor Carmona Metestaine (SP)

SANTOS
Vladimir, Victor Ferraz, Cléber (Lucas Veríssimo), Yuri e Zeca; Leandro Donizete, Thiago Maia e Vitor Bueno; Bruno Henrique (Thiago Ribeiro), Copete e Ricardo Oliveira
Técnico: Dorival Júnior

BOTAFOGO-SP
Neneca; Samuel Santos, Caio Ruan, Filipe e Fernandinho; Bileu, Marcão Silva, Diego Pituca e Rafael Bastos; Francis e Wesley
Técnico: Moacir Júnior

Nenhum comentário: