No peito e na alma !

No peito e na alma !

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Santos adianta conversas para renovar com Ricardo Oliveira e Vanderlei

Time da Vila Belmiro tenta manter as principais peças do atual elenco para a disputa da Conmebol Bridgestone Libertadores deste ano


Apesar de ainda seguir firme em busca de novos reforços para o setor ofensivo, o Santos também quer resolver logo a situação dos jogadores que já estão no elenco. O principal objetivo é renovar os contratados de três titulares da equipe comandada por Dorival Júnior: Vanderlei, Ricardo Oliveira e Lucas Lima. O goleiro e o centroavante estão com as situações mais adiantadas e vão se reunir com a diretoria no final do mês para iniciar as tratativas.

O arqueiro santista, um dos principais destaques do time na última temporada, já mostrou o desejo de se aposentar na Vila Belmiro. Por conta disso, sua renovação é a menos complicada. O Peixe, por sua vez, entende que Vanderlei merece um aumento salarial e também um contrato longo, com duração até 2021. O atual vínculo do camisa 1 termina só em dezembro de 2018, mas as partes já querem adiantar o acordo logo após a reapresentação do elenco, no dia 11 de janeiro, no CT Rei Pelé.

Já Ricardo Oliveira, que foi procurado pelo São Paulo em dezembro e recebeu proposta milionária da China no começo de 2016, tem uma reunião marcada com a cúpula santista na segunda quinzena de janeiro. O empresário do centroavante, Augusto Castro, está fora do país e vai retornar em aproximadamente dez dias. Assim que desembarcar, ele vai se reunir com o presidente Modesto Roma Júnior para iniciar as tratativas com o centroavante. Com contrato terminando em dezembro, o alvinegro pretende acertar a renovação por pelo menos mais um ano, para evitar o assédio por outras equipes.

Quem tem a situação mais complicada é o meia Lucas Lima. No último mês, Wagner Ribeiro, que está representando o meia em algumas negociações, afirmou que um clube da China irá oferecer uma proposta “irrecusável” para ele ainda nesta janela de transferências. O Santos, por sua vez, não pensa em vendê-lo agora, pois acredita que não terá lucro suficiente com o negócio. Afinal, o Peixe tem apenas 10% dos direitos econômicos do atleta. Com contrato terminando no final do ano, o alvinegro está disposto a aumentar o salário do camisa 10, pagar luvas (prêmio pela assinatura de um novo contrato) e fixar no acordo uma cláusula de saída, como fez com Gabigol. FoxSports

Nenhum comentário: