No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 14 de janeiro de 2017

Dorival será questionado no Conselho sobre negociações de cunhado no Santos



Apesar de conquistar a marca de 18 meses à frente do Santos, a maior de um treinador entre todas as equipes da última Série A, o técnico Dorival Júnior continua sofrendo pressão interna no clube. E, desta vez, o questionamento não está relacionado ao seu desempenho nos campos. O treinador foi convocado pelo Conselho Deliberativo inusitadamente para explicar o planejamento para esta temporada.

No entanto, o UOL Esporte apurou que alguns conselheiros pretendem indagar o treinador sobre os negócios de seu empresário e cunhado, Edson Khodor, no clube paulista. Além de Dorival, a Khodor Soccer e Marketing gerência a carreira do volante Leandro Donizete, um dos novos reforços do Santos para este ano.

O atleta de 34 anos assinou contrato com o Santos até dezembro de 2019 e, por isso, despertou a insatisfação de alguns conselheiros e torcedores do clube. Eles contestam, principalmente, que o contrato é muito longo para um veterano, além de salário elevado. 

Pessoas ligadas a Dorival alegam que Leandro Donizete é agenciado por Edson Khodor há dez anos. Eles alegam também que o agente venceu a concorrência de Corinthians e do próprio Atlético-MG para contratá-lo para o Santos. O currículo do experiente volante também foi citado para rebater os críticos, já que o volante conquistou títulos como Copa Libertadores da América e Copa do Brasil.

Além de Leandro Donizete, Edson Khodor aumentou a sua carteira de clientes nas categorias de base do clube. Isso porque o empresário de Dorival também é agente de Gustavo, Daniel Ribeiro, Gregore, Gabriel Bonet e Fabrício Daniel, que atuam entre os times sub 20 e 23.

Vale ressaltar que Edson Khodor já era agente do meia Lucas Lima antes de o treinador retornar ao clube, na metade de 2015.

"Eventualmente já ouvi isso (esse questionamento). Se acontecer ele terá a oportunidade de responder. É uma oportunidade de aproximarmos o Dorival e o Conselho, e acabar com qualquer dúvida", afirmou o presidente do Conselho Deliberativo do clube, Fernando Bonavides.

O presidente Modesto Roma e o próprio Dorival Júnior trataram com naturalidade o convite do Conselho Deliberativo do Santos.

"Acho que é uma situação de que não é usual. Isso depende do presidente do Conselho. Ele tem toda a possibilidade de quem quiser. Quando me convida, eu vou. Com prazer. O café de lá é bom", disse Modesto.

"Foi um convite. Foi passado isso ao presidente e eu aguardo ainda. Fico à disposição. Vou tentar colocar o que se passou desde que chegamos aqui e os objetivos para os próximos 12 meses", declarou Dorival.

A presença de Dorival no Conselho Deliberativo santista deve ocorrer na próxima quinta-feira (19), na Vila Belmiro. É cogitado nos bastidores da Vila Belmiro que o encontro pode ser cancelado, mas o presidente do Conselho negou a informação. "Está confirmado", disse. 

A pauta da reunião ainda inclui a votação de proposta para homenagear o narrador esportivo Deva Pascovicci, uma das 71 vítimas do avião da Chapecoense e que torcedor do Santos, além da apresentação do relatório contábil administrativo do terceiro trimestre de 2016. Uol

Nenhum comentário: