No peito e na alma !

No peito e na alma !

domingo, 29 de janeiro de 2017

Após gol, Thiago Ribeiro espera por 'retomada vitoriosa' no Santos

Atacante curou-se de uma depressão e agora espera cumprir seu contrato até o fim com o Peixe. No amistoso com o Kenitra, ele fez o último gol da goleada por 5 a 1

(Foto: Ivan Storti/ Santos FC)

Os joelhos desabaram sob o gramado e os dedos apontaram para o céu em sinal de gratidão. Foi assim que Thiago Ribeiro celebrou a retomada, como ele mesmo define, ao futebol. Depois de brigar contra a depressão e se apegar à religião, o atacante voltou a balançar as redes e afirmou estar pronto para voltar a brilhar com a camisa do Santos. Ele marcou o quinto gol na goleada por 5 a 1 sobre o Kenitra, do Marrocos.

- Primeiramente gostaria de agradecer à Deus pela alegria de retornar ao Santos, pela alegria de, depois de sete meses, voltar a jogar futebol. Era muito tempo sem jogar e agora estou muito feliz pelo gol. Só eu sei o que eu passei ao longo desses dois últimos anos, o sofrimento todo que foi, mas perseverei. Sabia que uma hora tudo ia passar. Hoje estou feliz em voltar, em fazer gol e espero que seja a retomada vitoriosa em minha carreira - declarou após o amistoso.

Thiago Ribeiro desencadeou uma depressão ainda no fim de 2104. Após uma série de lesões, sete quilos a menos e passagens sem muito brilho por Atlético-MG e Bahia, o jogador tem se mostrado bastante motivado e recuperado com a oportunidade dada pelo técnico Dorival Júnior. 

- Eu estou muito confiante. O pior já passou. Deus me deu forças para superar tudo isso. Eu sei que tem pessoas, como o Dorival, que confiam em mim. Agora, eu preciso entrar em campo e demonstrar o meu melhor, o meu valor. Vou procurar entrar, jogar bem e fazer gols para ajudar o Santos - falou. 

- Eu estou muito confiante porque, quando eu entro em campo, voltou a alegria, a alegria de viver a vida. Eu sinto o meu físico novamente com disposição. Ou seja, tudo está caminhando muito bem. Em 2017, vamos fazer uma grande temporada - acrescentou. 

Com salário acima do teto estipulado pela diretoria, Thiago Ribeiro era preterido pelo presidente Modesto Roma Júnior. O dirigente gostaria de tê-lo negociado ao Atlético-PR, porém, diante das negociações fracassadas, decidiu mantê-lo no elenco. 

Com contrato até o fim da temporada, o atacante chegou ao clube em 2013 por cerca de R$ 8 milhões. Lance

Nenhum comentário: