No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

De volta à Libertadores, Santos mira reforços de atual campeão



Apesar de ainda faltarem quatro rodadas para o final do Campeonato Brasileiro, o Santos já está classificado para a Copa Libertadores da América de 2017. Com 64 pontos e na segunda colocação, o Peixe não tem mais possibilidades matemáticas de deixar o G6 nem mesmo se perder todos os quatro jogos restantes. Por conta disso, a diretoria alvinegra já começou a busca para reforçar o elenco visando a próxima temporada. E o principal alvo da cúpula santista é justamente o atual campeão do torneio continental.

Antes mesmo do término da Libertadores desde o ano, o Santos trouxe do Atlético Nacional o atacante Jonathan Copete. Agora, o Peixe pensa em buscar mais três jogadores da equipe colombiana, que conquistou o título da competição em julho após bater o Independiente del Valle na final.

O nome da vez é o de Orlando Berrío. O atleta, ex-companheiro de ataque de Copete, foi aprovado pelo técnico Dorival Júnior e se encaixa no perfil procurado pelo clube para a próxima temporada: atua pelos lados do campo e tem experiência na Libertadores.

O jogador chamou a atenção porque também pode fazer o papel de centroavante, pois tem 1,82m de altura. Durante a carreira, ele soma passagens por Millonarios e Patriota, da Colômbia. Seu contrato com o Atlético Nacional vai até junho de 2018.

Além de Berrío, o Santos também está de olho em mais dois nomes do atual campeão da Libertadores. O meia Alejandro Guerra segue sendo um dos alvos principais do alvinegro. Porém, a permanência de Lucas Lima pode atrapalhar o negócio. 

Por fim, o Peixe também analisou a situação de Ibargüen, de 24 anos. Mas após ver notícias de que o atacante faltou a treinamentos e possui uma agitada vida noturna, a diretoria esfriou o negócio.

Até o momento, o Santos já acertou duas contratações para a próxima temporada. Tratam-se do lateral-direito Matheus Ribeiro, do Atlético-GO, e do atacante colombiano Vladimir Hernandez, do Junior do Barranquilla. Gazeta Esportiva

Nenhum comentário: