No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

L. Lima esbraveja após vitória com gol perigoso: "torcida faz o que quer"


O meia Lucas Lima deixou o campo esbravejando após a vitória do Santos por 2 a 1, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Parte da torcida santista vaiou o time após o apito final, e o camisa 10 não gostou de ser questionado sobre o assunto.

"Agora é ter tranquilidae. Tomamos o gol, mas saímos com resultado positivo. A gente sempre faz gol fora de casa, a torcida faz o que quer, muitos apoiaram também. Vocês veem da maneira que vocês querem também", disparou Lucas Lima.

"Erramos o último passe. Eles vieram com marcação forte. É difícil jogar contra eles aqui, mas é difícil jogar contra nós lá também. É sempre ruim tomar gol, mas se fizermos um gol lá embola tudo", completou.

A torcida vaiou o Santos devido o gol sofrido em casa. A equipe santista abriu 2 a 0 no placar, com Copete e Rodrigão, mas sofreu o gol de Seijas aos 26 minutos do segundo tempo. Com isso, o Inter precisaria vencer por 3 a 0 para se classificar, agora precisa apenas de uma vitória por 1 a 0.

"Tomamos gol bobo, mas jogamos bem. Não matamos a partida e tomamos gol, mas saímos com resultado positivo", disse.

O Santos entrou em campo sem Ricardo Oliveira, Gustavo Henrique e Vitor Bueno, todos lesionados. Já o Inter atuou apenas com três titulares: Danilo Fernandes, Ernando e Fabinho. Isso porque Celso Roth priorizou o duelo decisivo contra o Figueirense, no sábado, em Porto Alegre. Os dois times brigam diretamente contra o rebaixamento no Brasileiro. 

A partida de volta da Copa do Brasil ocorre apenas no dia 19 de outubro.

Pelo Campeonato Brasileiro, Santos e Inter voltam a campo no próximo sábado. A equipe santista encara o Atlético-PR, às 16h (de Brasília), na Vila Belmiro. Já os gaúchos enfrentam o Figueirense, em duelo decisivo contra o rebaixamento, às 21h (de Brasília), no estádio Beira-Rio.

Uol

Um comentário:

José Natal Peixoto disse...

A arbitragem continua um grave problema para os clubes. No jogo do Santos, a falta que originou o gol contra o Santos, a falta não aconteceu. O atacante passou por trás do Vitor Ferraz, segurou o Vitor pelo braço e se jogou. Houve falta do atacante e não do atleta do Santos. A arbitragem inverteu a falta. Todavia, se reclamar, vem punição, enquanto os árbitros podem fazer a besteira que quiser que são imunes. Vi o jogo do Grêmio e Palmeiras. O arbitro foi lamentável. Errou em todos os lances. Não dava as faltas. Aceitava passivamente as reclamações. Horrível, ridícula a arbitragem. Se tivesse aquele arbitro se utilizado de rigor contra as reclamações como fez contra o Santos em Porto Alegre, teria expulsado pelo menos três atletas de cada lado. Por que o excessivo rigor somente contra o Santos? Vejo o Santos muito prejudicado pelas arbitragens, ou será que a maioria dos árbitros é ruim mesmo? Por fim o Santos perde muito com as ausências de Gustavo Henrique e Ricardo Oliveira. De qualquer forma o Dorival tem feito a diferença. Parabéns ao nosso técnico. Se o Lucas Lima tiver paciência contra o erros de arbitragens e jogar o que sabe,seremos campeões da Copa do Brasil e ficaremos no G4 do Brasileiro. Vamos acreditar e torcer pelo nosso glorioso Peixe.