No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 30 de julho de 2016

Santos aposta em talismã Ricardo Oliveira para brigar pela liderança

Com atacante em campo, Peixe só perdeu uma vez na temporada, para o RB Brasil, no dia 28 de fevereiro. Alvinegro não lidera o Brasileirão desde 2006

O Santos pode assumir a liderança do Brasileirão no domingo. Se vencer o Cruzeiro, na Vila Belmiro, e Palmeiras, Grêmio e Corinthians perderem fora de casa para Botafogo, América-MG e Internacional, respectivamente, o Peixe fica no topo da tabela, fato inédito desde a quinta rodada de 2006.

Para seguir na briga entre os líderes, o Alvinegro conta com o talismã Ricardo Oliveira. O atacante só perdeu uma partida em 2016, contra o RB Brasil, no dia 28 de fevereiro. Desde que retornou de lesão no joelho, são três vitórias, contra Ponte Preta, Vitória e Gama.

O bom retrospecto deixa o Pastor feliz, mas, experiente, o jogador de 36 anos destaca que precisa provar o seu valor jogo a jogo.

Espero seguir nessa sequência boa de vitórias, com objetivos coletivos e individuais alcançados
Ricardo Oliveira

– Eu gosto do jogo após jogo. Futebol é dinâmico. Fico feliz com isso, em recordar boas lembranças, mas não adianta muito. Preciso seguir provando. Espero manter a sequência, com objetivos coletivos e individuais alcançados – disse o camisa 9, com 10 gols e cinco assistências em 17 partidas no ano.

Depois de se recuperar de inflamação no joelho direito, Ricardo Oliveira está em boas condições físicas. Ele teve um cuidado especial do departamento médico e da comissão técnica para retornar aos campos apenas quando estivesse 100%. Prova disso foram os três gols no mesmo jogo contra o Gama, pela Copa do Brasil. O Cruzeiro que se cuide.

Próximo adversário: Cruzeiro
Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data e horário: domingo, 16h (de Brasília)
Escalação provável: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Caju; Renato, Léo Cittadini e Vecchio (Lucas Lima); Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira.
Desfalque: Alison (artroscopia no joelho direito)
Arbitragem: Wagner Revay (FIFA) apita o jogo, auxiliado por Eduardo Gonçalves da Cruz (FIFA) e Fabio Rodrigo Rubinho (MT)
Transmissão: Premiere e Premiere HD (com Odinei Ribeiro e Wagner Vilaron)
GloboEsporte

Nenhum comentário: