No peito e na alma !

No peito e na alma !

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Reservas do Santos encaram xará do Amapá na estreia da Copa do Brasil




O Santos entra em campo às 21h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira para um duelo histórico no estádio Olímpico Zerão, em Macapá, no extremo norte do Brasil. Isso porque seu adversário não existiria sem a inspiração do famoso alvinegro praiano. O Santos do Amapá, foi fundado em 1973 para brigar no certame local e homenagear o time paulista que encantou o mundo dez anos antes com Pelé, Pepe e companhia. Agora, quis o destino que os dois se encontrassem na primeira fase da Copa do Brasil de 2016 para um confronto inédito.

Como não poderia ser diferente, o time da casa, que disputa a Série D do Campeonato Brasileiro, trabalha com a meta de evitar uma eliminação direta já no primeiro jogo. Para isso, precisa segurar o time da Vila Belmiro e não sofrer uma derrota por dois gols ou mais de diferença. Assim, dia 28, terá a chance de atuar no litoral Paulista, caso a diretoria não transfira o duelo para nenhuma outra praça.

"A responsabilidade é muito grande. Até porque a gente joga a primeira divisão e o time do Amapá eu nem sei qual categoria eles disputam. Então, temos a responsabilidade de conseguir um bom resultado, sim", admitiu Joel, um dos principais jogadores que estarão em campo.

Preocupado com a semifinal do Campeonato Paulista, contra o Palmeiras, que será decidida em partida única na Vila Belmiro, no domingo, Dorival Júnior resolveu ficar na Baixada com os titulares e mandar apenas reservas e alguns garotos da base para atuarem nesta quinta sob o comando de Lucas Silvestre, auxiliar e filho do técnico.

"A gente não acompanha muito. Não tem muitas informações, como eu falei. É complicado, mas a gente já sabe que vai ser um jogo difícil. Se tratando de Copa do Brasil, a gente sabe que não tem jogo fácil. É um campeonato muito longo e ainda mais jogando na casa do adversário", comentou Léo Cittadini, mais um titular neste confronto histórico.


"A gente vai lá para conquistar a vitória, independente se for por 1 ou 2 a 0. Se for por 2 a 0 melhor, para eliminar o jogo da volta. Mas, se perder o jogo, a gente tem que pensar que não se decide lá. Nada vai ser decidido lá. Então, caso aconteça o resultado adverso, é trazer aqui pra Vila e ganhar aqui", completou o garoto, cauteloso por não saber o que terá pela frente.


FICHA TÉCNICA
SANTOS-AP X SANTOS-SP

Local: Estádio Olímpico Zerão, em Macapá (AP)
Data: 21 de abril de 2016, quinta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Joelson Nazareno Ferreira Cardoso (PA-CBF-2).
Assistentes: Marcio Gleidson Correia Dias (PA-ASP-FIFA) e Lucio Ipojucan Ribeiro da Silva de Mattos (PA-CBF-2).

SANTOS-AP: Zé Maria; Roberto Batata, Dedé, Rosimar Magrão e Cavalo; Otávio Pretão, Lessandro, Raí e Renatinho; Fabinho e Rafinha
Técnico: Romeu Figueira

SANTOS: Vladimir; Alison, Lucas Veríssimo, Luiz Felipe e Caju; Léo Cittadini, Leandrinho, Elano e Rafael Longuine; Paulinho e Joel.
Técnico: Lucas Silvestre (auxiliar).

ESPN

Nenhum comentário: