No peito e na alma !

No peito e na alma !

sexta-feira, 1 de abril de 2016

Após desencantarem no Santos, Zeca se explica e Paulinho desabafa



Para Dorival Júnior, o primeiro gol santista sobre a Ferroviária foi o mais importante dos quatro marcados pelo Peixe na partida desta quinta. O fato do adversário sair na frente e o time ter tido mais tranquilidade para jogar depois do empate fizeram o gol de Zeca ser enaltecido pelo treinador. O lateral nunca havia ido às redes com a camisa do Santos, mas, na hora da comemoração, acabou lembrando das vaias que ecoaram das arquibancadas no intervalo, quando a equipe jogava mal e perdia.

“Tem uns torcedores que reclamaram bastante por causa do gol. Está certo, têm razão. Não foi minha intenção colocar o dedo na boca. Queria pedir o apoio, precisamos muito deles”, disse Zeca, tentando não criar polêmica depois do jogo, mas contrariando a imagem que mostra claramente o jogador com o dedo em riste, irritado, pedindo silêncio aos torcedores.

“Não vi, porque nós saímos comemorando ali e eu vi o pessoal todo do banco que foi ali ao lado. Não sei o que deve ter acontecido”, comentou o técnico Dorival Júnior, buscando minimizar o caso e fugindo de qualquer resposta comprometedora.

O gol de Zeca abriu caminho para a vitória do Santos, que veio depois de dois gols seguidos de Paulinho. O atacante, contrato no início da temporada por empréstimo junto ao Flamengo, ainda não havia desencantado pelo time da Vila Belmiro e desabafou.

“Saiu um peso das minhas costas. Tive dificuldade na saída do Flamengo por erros meus. Assumo esses erros. O Santos está me dando a oportunidade de voltar ao futebol brasileiro de novo. Tenho que agradecer ao Santos pela força. A gente estava em busca disso. Nosso objetivo era buscar o primeiro lugar para decidir dentro de casa, mas o Corinthians se distanciou”, falou o atacante, que ainda viu Gabriel fechar a goleada, já nos acréscimos, em cobrança de pênalti.

Gazeta Esportiva

Um comentário:

Higor Ferreira disse...

Realmente fica difícil as outras torcidas pararem de tirar uma onda pra cima de nossa torcida...ontem o público foi mais uma vez lamentável na Vila. Nosso primeiro tempo foi horrível e mais do que claro com a entrada do maestro, craque, Lucas Lima o time massacrou a outra equipe. Reparem como foi a comemoração do Zeca no gol de empate, mandando torcedores se calarem. Deixo outra indignação, com certeza nosso craque irá embora pra Europa no meio deste ano e se não parar com o tal bom e barato não vamos voltar a ser campeões brasileiros e claro não disputaremos a libertadores 2017, à não ser sendo campeões da Copa do Brasil, só que com esse time e sem o Lucas Lima...haaa vai ficar difícil... Acho que precisamos de craques e jogares que trazem a mídia de volta ao redor de nosso Santos FC, porque está mais que claro que estamos cada vez mais longe da TV...e voltando ao início de meu comentário (ridículo o público de ontem e também de vários outros jogos) falar que estamos em crise, que o jogo era em horário ruim...bom a bosta do curintia o mínimo que foram em jogos parece que 22000 pessoas e o Parmeirinha não fica atrás...