No peito e na alma !

No peito e na alma !

sexta-feira, 11 de março de 2016

Santos quer segurar Lucas Lima até o fim do contrato e preocupa meia



A mudança de postura do meia Lucas Lima, que deixou o estilo ponderado em entrevistas coletivas e cobrou até aumento salarial para Ricardo Oliveira e para os atletas do Santos que recebem propostas, tem um motivo. Após o "caso Ricardo Oliveira", o camisa 20 teme que a diretoria alvinegra dificulte a sua transferência para o futebol europeu no meio deste ano, quando abre a próxima janela de transferências.

O UOL Esporte apurou que o meia soube que a diretoria pretende mantê-lo no clube até o fim de seu contrato, em 31 de dezembro de 2017. A estratégia tem uma lógica. O Santos possui apenas 10% dos direitos econômicos do jogador e, dependendo do valor da proposta que chegar da Europa, o montante destinado ao clube paulista sequer ajudaria para a reposição do meia no mercado do futebol.

Lucas Lima está preocupado com a intenção da diretoria, pois sabe que dificilmente algum clube pagará a multa rescisória de seu contrato com o Santos, estipulada em 60 milhões de euros (R$ 245 milhões).

A diretoria santista, por sua vez, acredita que os clubes interessados não pagariam nem a metade do valor da multa – 30 milhões de euros (R$ 122 milhões).

Neste caso, o Santos ficaria apenas com 3 milhões de euros (R$ 12 milhões), menos da metade do que foi oferecido por Ricardo Oliveira recentemente. O camisa 9 ofereceu R$ 26 milhões do próprio bolso para ser liberado para o futebol chinês, mas o presidente Modesto Roma recusou.

A cúpula santista entende que não encontrará nenhum jogador para substituir Lucas Lima por R$ 12 milhões. O caso de Marquinhos Gabriel no início do ano é utilizado de exemplo na Vila Belmiro. O Al-Nassr, da Arábia Saudita pedia, no mínimo, US$ 4 milhões (R$ 14 milhões) para liberar o jogador para Santos e Corinthians, interessados pelo atleta em janeiro.

Lucas Lima já deixou claro que pretende sair e, inclusive, tem externado o desejo em entrevistas. Além do futebol chinês, o atleta já recusou propostas do Porto, de Portugal, e Torino, da Itália, desde que chegou ao Santos. O atleta acredita que pode defender grandes clubes do futebol europeu – casos de Barcelona e Real Madrid, da Espanha.

A assessoria de imprensa do Santos confirma que a intenção do presidente Modesto Roma Júnior é contar com o "excelente meia Lucas Lima até o término do seu contrato".

Uol

Nenhum comentário: