No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

1º teste do ano! Santos tem nova estratégia contra 'maldição de visitante'



O duelo conta a Ponte Preta nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, marcará o primeiro grande desafio do Santos na temporada 2016 – quebrar a "maldição de visitante". Em 2015, o clube paulista não alçou voos maiores por causa do péssimo retrospecto fora de casa.

No Campeonato Brasileiro, por exemplo, a equipe santista terminou com apenas uma vitória longe de casa – contra o Cruzeiro. No total, foram apenas nove vitórias, dez empates e 15 derrotas como visitante.

Em 2016, o Santos espera acabar com este retrospecto desfavorável. Todos no clube admitem o desempenho ruim fora de casa – atletas, comissão técnica e diretoria. Por isso, vencer como visitante foi a pauta principal das reuniões entre os profissionais do clube nesta semana.

Entre os pontos discutidos, a postura pouco ofensiva e o psicológico foram determinantes pelo excesso de tropeços fora de casa. Por isso, os jogadores prometeram atacar mais os adversários em seus domínios, além de não se abalarem caso saiam em desvantagem no placar.

"Intensidade e agressividade de dentro da Vila pode ser repetid fora de casa. Vamos tentar impor isso e procurar não sofrer tanto. Queremos mudar esse retrospecto. Esperamos quebrar essa sequência de resultados não tão positivos. Estamos com postura de tentar mudar (retrospecto fora de casa). Não tivemos a regularidade da Vila Belmiro. Esperamos conseguir nesse ano. Buscar as vitórias fora e ser sólido como fomos na Vila. A gente vem conversando para aprendermos a sofrer fora de casa, mas também a agredir. A gente tomava o gol, e já vinha o pensamento de não ganhar de novo. O pensamento tem que ser outro. Esperamos que as coisas invertam nesse ano", afirmou o volante Renato.

"Quando se joga pela primeira vez, principalmente fora de casa, a gente enfrenta quem já jogou várias vezes e sabem os segredos. Jogo é dividido em várias partes. Se a bola entra em determinado momento, muda tudo. Muitas das vezes quando se é novo, falando por mim, se aprende a jogar de uma forma quando se ganha, e quando se perde é diferente. É importante ter essa mescla, da juventude com a experiência. Agora temos a rodagem do Campeonato Brasileiro e podemos melhorar", disse o lateral Victor Ferraz.

Para o duelo contra a Ponte Preta, o técnico Dorival Júnior repetirá a mesma escalação que empatou com o São Bernardo por 1 a 1, no último sábado, na Vila Belmiro. Com isso, o jovem zagueiro Lucas Veríssimo, embora criticado em sua estreia na equipe principal do Santos, será mantido entre os titulares.

As novidades do Santos para o confronto estarão no banco de reservas. O atacante Patito Rodríguez e o meia Elano, que voltaram de empréstimos, foram inscritos no Campeonato Paulista, viajaram com a delegação santista e estão à disposição de Dorival Júnior. 
A Ponte Preta, por sua vez, também tropeçou em sua estreia no Paulistão. O time de Campinas foi derrotado pelo Oeste por 3 a 1, fora de casa. Se não bastasse, o centroavante Wellington Paulista foi expulso e não enfrenta a equipe santista nesta quarta-feira. 

Ficha Técnica – Ponte Preta x Santos-SP

Data e horário: 02/02/2016, às 21h45 (de Brasília)
Local: Estádio Moisés Lucarelli
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Fausto Augusto Viana Moretti

Ponte Preta: Nino Paraíba, Tiago Alves, Ferron, Gilson; Eurico, Felipe Azevedo, Elton, João Vitor e Clayson; Alexandro.
Técnico: Vinicius Eutrópio. 

Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Zeca; Renato, Thiago Maia e Lucas Lima; Paulinho, Gabriel e Ricardo Oliveira.
Técnico: Dorival Júnior. 
Uol Esporte

Nenhum comentário: