No peito e na alma !

No peito e na alma !

domingo, 20 de dezembro de 2015

Sem jogar, "time misterioso" do Santos vira alvo de pequenos do interior



A equipe sub 23 do Santos, categoria inaugurada no clube nesta temporada, é cercada de muito mistério. O time comandado pelo técnico Kleyton Lima treina a maioria das vezes de portões fechados (sem a presença da imprensa) e quase não é divulgado nas redes sociais do clube.

O que todos sabem é que a equipe sub 23 tem um goleiro de 29 anos, conhecido como Preto, e conta com a "eterna promessa" do futebol brasileiro, Jean Chera. Para o próximo ano, o clube paulista ainda contratou o meia Ronaldo Mendes, destaque do ABC, de Natal, para a categoria.

A diretoria santista ainda busca uma solução para o que pode ser chamado de "time B" em 2016. O presidente Modesto Roma procura uma parceria com clubes menores para testar a equipe em competições oficiais. Isso porque o time de Jean Chera só realizou amistosos e jogos-treinos nesta temporada.

O UOL Esporte apurou que o Santos recebeu uma proposta do Paulista, de Jundiaí, para que todo o elenco sub 23 dispute o Campeonato Paulista da Série A2 e a Copa Paulista. Outros clubes do interior também procuraram o alvinegro praiano buscando a parceira, mas a diretoria santista promete priorizar a Portuguesa Santista, clube vizinho no litoral paulista.

A Briosa, como é conhecida, vive uma grande crise financeira, e disputará novamente em 2016 a "quarta divisão" do Paulistão. A ideia é emprestar a maioria dos atletas e, inclusive, o técnico Kleiton Lima. Outros clubes da região também sonham com a parceira – casos de São Vicente e Jabaquara.

Inicialmente, o Santos queria testar a equipe sub 23 oficialmente no Campeonato Paulista de 2016. A ideia era deixar o time principalmente exclusivo para a disputa da Copa Libertadores da América. No entanto, a "missão" não foi possível por dois motivos – o clube paulista não se classificou para a competição continental e a Federação Paulista de Futebol (FPF) não aceitou o pedido santista de aumentar o limite de inscritos no Estadual.

Apesar da pouca visibilidade, a equipe sub 23 "revelou" para o time de Dorival Júnior o meia Victor Bueno, que saiu do banco de reservas e foi a grande surpresa na goleada do Santos por 5 a 1 sobre o Atlético-PR na última rodada do Brasileiro. Ele anotou um gol e deu assistência para outro. O volante Fernando Medeiros é outro destaque que foi promovido ao elenco principal.

Jean Chera, por sua vez, aproveitou a temporada para readquirir a sua melhor forma física. Ele aceitou voltar ao clube para o time sub 23 para receber apenas uma "ajuda de custos". Foi aprovado e teve seu contrato renovado, com direito a aumento salarial, para a próxima temporada.

Uol Esporte

Nenhum comentário: