No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Santos termina 2015 com salários em dia e usa boa fama para atrair reforços

Ao contrário do que aconteceu em 2014, Peixe não deve para atletas no fim da atual temporada. Diretoria confia nisso para atrair jogadores para o clube em 2016

O Santos começou 2015 com muitos problemas. Atrasos salariais tiravam jogadores do clube na Justiça: Arouca, Aranha e Eugenio Mena saíram de graça. Por isso, o Peixe também encontrou dificuldades para contratar, já que não era bem falado no mercado. Agora, porém, a fama alvinegra mudou. 

Quase um ano depois de assumir o Santos, o presidente Modesto Roma Júnior conseguiu colocar todos os salários do elenco em dia. Com a ajuda de empréstimos para quitar dívidas deixadas pela diretoria de Odilio Rodrigues, o atual mandatário recuperou a imagem do Peixe e quer utilizar isso a seu favor.

Para manter os salários em dia, o Santos estipulou um teto. Desde o começo do ano, paga no máximo R$ 200 mil para jogadores. O objetivo é manter a política salarial em 2016 para que não haja novos atrasos, como nos últimos meses de 2014.

Por enquanto, porém, o Peixe não vislumbra grandes contratações. O zagueiro Thiago Heleno é o único jogador que negocia com o Alvinegro para a próxima temporada – ele pertence ao Deportivo Maldonado, do Uruguai. O Santos está confiando num acerto rápido.

O principal objetivo do clube, portanto, é renovar com as estrelas do elenco comandado pelo técnico Dorival Júnior. Lucas Lima, Gabriel e Geuvânio devem ser os mais assediados da janela de transferência. O Santos quer mantê-los em 2016 e contratar atletas sem custos, pagando apenas luvas e salários.

Globoesporte.com

Nenhum comentário: