No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Santos está pronto para encarar o São Paulo na Vila

Em 2014, Peixe foi eliminado para o Cruzeiro nas semis da Copa do Brasil; contra o Tricolor, é favorito

O Santos está a um passo da final da Copa do Brasil. Para chegar à decisão, a equipe de Dorival Júnior pode até perder por 2 a 0 do São Paulo, nesta quarta-feira (28), às 22 horas, na Vila Belmiro. Isso porque venceu a partida de ida por 3 a 1 no Morumbi.

Um cenário aparentemente tranquilo, diferentemente do ano passado, quando o Peixe também chegou à semifinal da competição. O adversário era o Cruzeiro, que semanas depois se sagrou bicampeão brasileiro sob o comando de Marcelo Oliveira, atualmente no Palmeiras.

Tendo perdido por 1 a 0 na partida de ida, no Mineirão, o Santos precisava reverter a vantagem na Vila Belmiro. Até os 35 minutos do segundo tempo, o Peixe conseguia. Com gols de Robinho, Gabriel e Rildo, vencia por 3 a 1, mas cedeu o empate e acabou eliminado. 

Contra o Tricolor, apenas três titulares do atual elenco jogaram a partida do ano passado, ante a Raposa: o volante Renato, o meia Lucas Lima e o atacante Gabriel. 

O treinador na época era Enderson Moreira. O time era formado por Aranha; Cicinho, Bruno Uvini, Edu Dracena e Mena; Arouca, Alison, Lucas Lima e Robinho; Gabriel e Rildo.

Muita coisa mudou em um ano. Hoje, Aranha e Arouca são do Palmeiras, Edu Dracena e Rildo, do Corinthians, e Mena, do Cruzeiro. Cicinho, Bruno Uvini e Robinho seguiram suas carreiras fora do País.

Mudança

Um ano depois, o Santos está na mesma fase da competição, mas, ao contrário do ano passado, é favorito no confronto e até para a conquista do título.

Tudo começou com a chegada de Dorival Júnior, em julho deste ano. Ele tinha a missão de tirar o Santos do Z-4 e reerguer o clube da crise. Fez mais. Mudou a postura dos jogadores e testou talentos da base que deram resultado. Hoje, são titulares absolutos da equipe, como Zeca e Thiago Maia. Sem contar que levou o time ao G-4 do Campeonato Brasileiro.

Outro fator que pesa é a Vila Belmiro. A última vez que o São Paulo saiu vitorioso no local foi em 2009, pelo Campeonato Brasileiro. Para piorar para o lado Tricolor, desde a volta de Dorival, o Alvinegro Praiano está invicto no estádio. São 13 vitórias em 13 jogos.

A Tribuna

Nenhum comentário: