No peito e na alma !

No peito e na alma !

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Lucas Lima descarta antecipar saída: 'Cabeça está no Santos'

Camisa 20 não descarta permanecer no Peixe caso time se classifique para a Libertadores em 2016. Por outro lado, ele vai avaliar outras propostas no futuro

O Santos não tira o foco do jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil, contra o São Paulo, que será na quarta-feira, às 22h, na Vila Belmiro. Porém, Lucas Lima não esquece que o fim do ano se aproxima e junto dele vem mais uma janela de transferências para a Europa, que pode decidir seu futuro. 

Depois de recusar uma oferta de 10 milhões de euro do Porto (POR), aproximadamente R$ 40 milhões, na última janela, o camisa 20 do Peixe afirma que pretende avaliar novas propostas em breve.

- Minha cabeça está no Santos, não tem porque se antecipar e pensar numa saída. No fim do ano a gente vê, senta e vê as propostas. Se for algo bom para nós, vamos ver. 

- Para falar a verdade nem tenho pensado nisso. Está na mão dos meus pais. Não tem nada agora, a janela é só no final do ano. Tem dez ou nove jogos para terminar um ano muito bom. O grupo está focado em terminar o ano bem - disse o armador, que é o líder de assistências do Alvinegro no ano, com 16.

Agora jogador de Seleção Brasileira, Lucas Lima também não descarta ficar mais tempo no Santos, caso o time alcance seu maior objetivo: uma classificação para a Libertadores do ano que vem - que pode vir com o quarto lugar no Brasileirão ou o título da Copa do Brasil.

- É melhor a gente se classificar primeiro para a Libertadores e depois vemos isso. Mas, como falei, minha cabeça está no Santos agora. Tenho contrato. Não tem porque pensar em uma saída antes de as coisas acontecerem. Tenho procurado focar jogo a jogo - conclui.

Contratado no início de 2014, seu vínculo com a equipe da Vila Belmiro vai até o fim de 2017. Apesar de a diretoria do Peixe saber que novas ofertas pelo jogador chegarão, os dirigentes planejam uma conversa para tentar segurar o atleta por mais tempo.

O Santos tem apenas 10% dos direitos econômicos do jogador e direito a 20% de um lucro que a empresa Doyen Sports tiver em uma eventual negociação.

Lancenet

Nenhum comentário: