No peito e na alma !

No peito e na alma !

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Gabigol diz que Santos não pode respeitar "muito" o Corinthians


O atacante Gabriel Barbosa, uma das estrelas do Santos na temporada, avisou que a equipe santista não pode respeitar "muito" o Corinthians. Os dois times se enfrentam neste domingo, às 11h (de Brasília), na Arena Corinthians, em jogo válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

O camisa 10 do Santos lembrou os últimos encontros com o Corinthians, quando os Meninos da Vila venceram os dois duelos [Vila Belmiro e Arena] disputados pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Gabigol, aliás, marcou gols nos dois jogos.

"A torcida deles joga também. Sabemos da força dentro de casa. Têm grandes jogadores, de seleção. Temos de respeitar sim o time do Corinthians, mas não podemos respeitar muito, sabemos da nossa força. Ganhamos deles lá e aqui. Mas clássico é clássico e temos de jogar o jogo e buscar sempre o gol", afirmou Gabigol.

A revelação santista, inclusive, avisou que o Santos manterá sua postura ofensiva e não jogará na "retranca" mesmo atuando fora de casa.

"Tem de respeitar o time deles, mas não podemos modificar o nosso jeito de jogar. Nosso time sempre jogou para frente. Independente de onde estivermos, dentro ou fora de casa, nós temos de manter essa postura", avisou.

Gabigol foi o melhor jogador do Santos na goleada contra o Atlético-MG por 4 a 0, na última quarta-feira, na Vila. O atacante marcou dois gols e ainda "roubou a cena" com assistências, dribles desconcertantes e passes de calcanhar.

No final do jogo, o camisa 10 continuou ousado nas entrevistas. Ele revelou que "tirou o pé" para não ficar de fora do clássico contra o Corinthians. O atacante evitou divididas, principalmente no segundo tempo, para não ser punido com o terceiro cartão amarelo, já que entrou em campo "pendurado". 

"Com certeza, amo jogar clássico, é o maior rival. Em algumas jogadas tirei o pé para não tomar o cartão, mas sempre pensando no time", disse.

Artilheiro do Santos na temporada passada, com 21 gols, Gabigol voltou a brilhar no clube após a chegada de Dorival Júnior. Com o treinador, o atacante marcou dez gols em 15 jogos. 

Uol Esporte

Nenhum comentário: