No peito e na alma !

No peito e na alma !

domingo, 6 de setembro de 2015

Atacantes brilham, e Sport e Santos empatam na Ilha do Retiro


O jogo entre Sport e Santos demorou para esquentar na noite deste domingo, mas, na metade do primeiro tempo, a partida foi praticamente resolvida pelos atacantes: Ricardo Oliveira fez para o Peixe, e André, revelado na Vila Belmiro, fez para o Leão da Ilha, dono da casa, e garantiu o 1 a 1 na Ilha do Retiro, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Alvinegro, visitante, abriu o placar aos 20 minutos da primeira etapa após jogada ensaiada, fato constante no Santos após a chegada do técnico Dorival Júnior. Em falta lateral, Rafael Longuine – novidade do time na vaga de Neto Berola – lançou na área, Gustavo Henrique tocou de cabeça e Ricardo Oliveira, em posição irregular, tocou para o gol no rebote.

O Sport reagiu seis minutos depois, pelo lado direito do ataque. Em velocidade, Marlone lançou para André, que superou David Braz e tocou na saída de Vanderlei.

Depois disso, a partida voltou ao mesmo estilo do início, com poucas jogadas de perigo e insistência dos dois times em trocar passes no próprio campo de defesa.

O Peixe, mais acomodado, mal passou do meio de campo até o intervalo. O Sport, um pouco mais desesperado, se arriscou mais no setor ofensivo, mas não concluiu.

O técnico do Leão, Eduardo Baptista, fez uma substituição logo aos 25 minutos da etapa inicial, tirando o volante Wendel para colocar mais um meia, o camisa 10 Régis.

No segundo tempo, os dois times exploraram mais os lados do ataque, mas a noite parecia mesmo ser dos centroavantes. Do lado do Leão, Régis foi quem chegou mais perto do gol. No Santos, Gabigol arrancou suspiros dos companheiros, mas mandou para fora. André quase deu a vitória ao Sport, quando, aos 35 minutos da etapa final, acertou o travessão de Vanderlei, mas a bola saiu.

Mesmo com a sensação de alívio do Sport após o gol de empate, o resultado foi melhor para o Alvinegro, que agora chega a 12 jogos de invencibilidade sob o comando do técnico Dorival Júnior e continua próximo do G4, a cinco pontos, na nona posição.

O Sport, com 32 pontos, um a menos que o Peixe, ocupa a décima e chegou a nove partidas sem vencer. Na próxima rodada, encara o Goiás fora. O Santos recece o São Paulo na Vila Belmiro, quarta-feira.

FICHA TÉCNICA
SPORT 1 X 1 SANTOS

Data/Horário: 6 de setembro de 2015, às 18h30
Local: Ilha do Retiro, Recife (PE)
Árbitro: Eduardo de Almeida Ferreira (MG)
Assistentes: Pablo Almeida da Costa (MG) e Celso Luiz da Silva (MG)
Cartões amarelos: Matheus Ferraz (SPO)
Público e renda: 6.129 pagantes/R$158.430,00

GOLS: Ricardo Oliveira, 20'/1ºT (0-1) e André, 27'/1ºT (1-1)

SPORT: Danilo Fernandes; Ferrugem, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Rithely, Wendel (Régis, 24'/1ºT), Marlone e Diego Souza (Hernane, 38'/2ºT); Maikon Leite (Samuel, Intervalo) e André. Técnico: Eduardo Baptista.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia, Renato, Rafael Longuine (Serginho, 32'/2ºT) e Marquinhos Gabriel (Neto Berola, 34'/2ºT); Gabriel (Leandro, 39'/2ºT) e Ricardo Oliveira.Técnico: Dorival Júnior.

Lancenet

Nenhum comentário: