No peito e na alma !

No peito e na alma !

sábado, 8 de agosto de 2015

"Estou em plena forma para servir a seleção", diz Ricardo Oliveira



Artilheiro do Brasileirão aos 35 anos, Ricardo Oliveira chegou ao 10º gol no campeonato neste sábado, na vitória do Santos sobre o Coritiba por 3 a 0. Após a partida, o veterano que teve mais uma boa exibição disse que está em plena forma e disponível para voltar a vestir a camisa da seleção brasileira.

"A gente precisa fazer uma análise muito fria. Deixo isso por parte da imprensa. Meu trabalho está sendo muito bem feito e os números estão aí para avaliar e ver. Se houver essa oportunidade, me encontro em plena forma para servir a seleção novamente. Se não houver, estou muito feliz. Acho que minha alegria é notória dentro de campo. O que importa é que estou feliz fazendo aquilo que mais gosto", disse Ricardo Oliveira, após a partida, em entrevista reproduzida pela Rádio Globo.

O atacante também falou que a vitória santista serve de alívio para se distanciar da zona de rebaixamento, mas que cada jogo tem de ser visto como uma decisão. Na próxima quarta-feira o Santos joga contra o Vasco, novamente na Vila Belmiro.

"Foi importante para a gente abrir distância daqueles que estavam embaixo, mas nosso objetivo é jogo após jogo. Hoje vencemos um jogo fundamental, agora é descansar bem pra quarta feira. São adversários duríssimos, time do Coritiba veio aqui e apesar do resultado pressionou, dificultou muito nosso trabalho. Equipe do Vasco vai dificultar muito nosso trabalho. Dentro da vila, venha quem vier, nós precisamos encarar cada jogo com esse espírito para que a gente consiga atingir os objetivos que nós traçamos no começo da temporada. Não é jogada de marketing, nós estamos falando lá dentro, cada jogo pra nós é uma final. Entendemos que temos que encarar cada jogo desse jeito. Acho que esse é o espírito, acho que esse é o caminho", completou Ricardo Oliveira. 

O técnico Dorival Junior também falou sobre a possibilidade de Ricardo Oliveira voltar à seleção brasileira e concordou que o atacante brigue atualmente pela camisa 9 do time de Dunga nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. 

"Acho que a performance do Ricardo em todos os momentos tem mostrado. Geralmente jogadores desse nível estarão brigando independente de idade. Entraremos em uma competição em que a seleção tem uma base montada. Acho que ele se credencia, é natural, é uma opção a mais para que o Dunga possa se definir", falou. 

Uol Esporte

Nenhum comentário: