No peito e na alma !

No peito e na alma !

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Rogério falha, mas marca e dá vitória sobre Santos



O jogo no Morumbi começou morno. O primeiro lance de perigo só ocorreu aos dez minutos, com o zagueiro Dória, que, após um escanteio, aproveitou um desvio de cabeça e finalizou por cima do gol. Michel Bastos, aos 33, conseguiu abrir o placar em cobrança de falta. O chute forte e colocado entrou no canto de Vladimir. O Santos, no entanto, mesmo sem fazer um bom primeiro tempo, conseguiu empatar. Rafael Longuine chutou para o gol e Denilson desviou com a mão dentro da área. Ricardo Oliveira bateu forte, Rogério defendeu, e, no rebote, o camisa 9 santista balançou a rede.

Segundo tempo
O Santos manteve o embalo do fim da primeira etapa e logo virou o jogo. Aos dois minutos, Lucas Lima lançou Ricardo Oliveira pela direita. O atacante invadiu a área na diagonal e bateu forte. A resposta são-paulina foi imediata: Thiago Mendes cobrou escanteio pela direita na cabeça de Paulo Miranda, que desviou para fazer 2 a 2. Aos 40, Carlinhos foi derrubado na área, e o árbitro assinalou pênalti. Rogério cobrou e marcou o gol da vitória.

DESTAQUES
Cem vezes
São Paulo e Santos se enfrentaram pela 100ª vez no estádio do Morumbi. O primeiro confronto se deu no dia 11 de dezembro de 1960, com vitória são-paulina por 2 a 1. O time da casa venceu 48 jogos, contra 24 dos santistas (28 partidas terminaram empatadas)

MELHORES
Michel Bastos, São PauloJogador mais lúcido do meio-campo do São Paulo, Michel Bastos tentou dar velocidade ao setor. O camisa 7 ainda abriu o placar para o time após cobrar bem uma falta sofrida por Denilson.

PIORES
Vladimir, SantosO goleiro santista, além de armar mal a barreira, ainda errou no chute de Michel Bastos. No lance, ficou muito à esquerda e demorou a cair para tentar fazer a defesa no canto direito do gol. O arqueiro foi substituído por Vanderlei no intervalo

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 3 X 2 SANTOS

Data: 03/06/2015 (QUARTA-FEIRA)
Horário: 21h (de Brasília)
Competição: Campeonato Brasileiro (5ª rodada)
Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Público: 13.846
Renda: R$ 420.465,00
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)
Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Júnior e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (ambos de SP)
Cartões amarelos: Michel Bastos, Denilson, Renan Ribeiro, Rogério Ceni e Paulo Miranda (São Paulo); Lucas Otávio (Santos)
Cartão vermelho: Marquinhos Gabriel 

Gols: Michel Bastos, aos 33; e Ricardo Oliveira, aos 45 minutos do primeiro tempo; Ricardo Oliveira, aos 2, e Paulo Miranda aos 4, e Rogério Ceni aos 41 minutos do segundo tempo.

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Bruno (Hudson), Paulo Miranda, Dória e Carlinhos; Denilson, Souza, Thiago Mendes (Centurión), Michel Bastos e Paulo Henrique Ganso; Alexandre Pato (Luis Fabiano). Técnico: Milton Cruz

SANTOS: Vladimir (Vanderlei), Daniel Guedes, David Braz, Werley, Victor Ferraz; Lucas Otávio, Renato e Lucas Lima; Rafael Longuine (Marquinhos Gabriel), Geuvânio (Marquinhos) e Ricardo Oliveira. Técnico: Marcelo Fernandes

Uol Esporte

Nenhum comentário: