No peito e na alma !

No peito e na alma !

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Oliveira comemora dois gols e fim da seca, mas lamenta derrota no San-São


Centroavante marca duas vezes no clássico, mas vê time perder por 3 a 2 para o Tricolor. Jogador não balançava a rede há quatro partidas, desde o dia 13 de maio

Ricardo Oliveira encerrou a seca de gols, mas viu o Santos sair derrotado por 3 a 2 para o São Paulo, nesta quarta-feira, no Morumbi. O centroavante marcou duas vezes, sendo uma em rebote de pênalti defendido por Rogério Ceni. No fim, o Peixe sofreu a virada e estacionou nos cinco pontos no Campeonato Brasileiro.

Oliveira não fazia gols desde o dia 13 de maio, quando o Santos bateu o Maringá, por 1 a 0, na Vila Belmiro, pela Copa do Brasil. Desde então foram quatro jogos sem balançar a rede.

– É sempre positivo voltar a marcar, mas todos sabem que o coletivo fica acima do individual. Fico feliz por voltar a fazer gols, mas não saio satisfeito porque não serviu para ajudar o time. Não estava ansioso. Ficaria preocupado se não tivesse criando chances de gol, nem dando opção aos companheiros. Hoje marquei dois gols em duas oportunidades – disse o centroavante.

Logo depois de virar o jogo, no primeiro minuto do segundo tempo, o Santos sofreu o empate de 2 a 2 em cabeçada de Paulo Miranda, aos quatro minutos. O curto espaço entre um gol e outro atrapalhou o Peixe, na opinião de Oliveira.

– Depois do segundo gol é a hora de administrar e provocar nervosismo no rival, porque isso conta muito, ainda mais com o time da casa perdendo. Faltou atenção e pagamos. O futebol não perdoa. Mas o bom é que podemos reverter logo ali na frente. Hoje estamos tristes, mas no próximo jogo, na Vila Belmiro, temos de voltar a vencer – finalizou.

Com a derrota, o Peixe chegou a quatro partidas sem vitória, na 13ª posição, com cinco pontos. Agora, o time volta a campo no sábado, às 18h30, contra a Ponte Preta, na Vila Belmiro.

Globoesporte.com

Nenhum comentário: