No peito e na alma !

No peito e na alma !

quarta-feira, 8 de abril de 2015

Santos ainda estuda contratação de técnico e gosta de Cristóvão Borges

Menos de um mês após efetivar Marcelo Fernandes, Peixe volta a cogitar a chegada de um novo comandante, e nome de ex-Fluminunse é visto com bons olhos

A efetivação de Marcelo Fernandes no comando do Santos não completou nem um mês, mas a diretoria do clube já cogita a contratação de um novo treinador. E o principal nome do momento não é o de Dorival Júnior, nem o de Vagner Mancini, que estiveram na mira em março. A bola da vez na Vila Belmiro é Cristovão Borges, demitido há duas semanas do Fluminense.

O técnico, de 55 anos, conta com uma vantagem que nenhum dos outros cotados tinha: ele não divide a diretoria alvinegra. Além disso, após uma sondagem inicial, o Santos descobriu que Cristovão se encaixa na faixa salarial que o clube está disposto a pagar para seu próximo treinador: entre R$ 200 mil e R$ 230 mil.

Cristovão costuma trabalhar com três profissionais em sua comissão técnica, algo que não agrada ao Peixe. No entanto, como pensa em deslocar profissionais para o grupo que trabalhará com o time sub-23, a cúpula santista vê essa questão como algo facilmente contornável.

Até o momento, o clube da Vila Belmiro não apresentou nenhuma oferta para Cristovão, mas pensa em fazer isso em breve. A fase final do Paulistão não é vista como problema, já que, mesmo que haja acerto, Marcelo Fernandes deve ser mantido no comando da equipe pelo menos até o fim do Estadual. Depois, ele voltaria a ser auxiliar sem alteração de salário, já que teve reajuste pequeno mês passado e ganha atualmente cerca de R$ 20 mil por mês.

Além de Cristovão Borges, Eduardo Baptista, do Sport, é outro que agrada os santistas, mas o fato de ele estar empregado faz o Peixe recuar. Gilson Kleina e Guto Ferreira são vistos como apostas boas e baratas, mas muito arriscadas. A direção não está insatisfeita com Marcelo, mas crê que precisa de alguém mais experiente para o Brasileiro.

Lancenet

Nenhum comentário: