No peito e na alma !

No peito e na alma !

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Freguês? São Paulo não elimina Peixe desde quando Gabigol era um bebê


Tricolor venceu último mata-mata contra o Santos em 2000; de lá para cá, equipe da Vila levou a melhor em todos os confrontos eliminatórios contra o rival de domingo

Santos e São Paulo se enfrentam neste domingo, às 18h30, na Vila Belmiro, para escrever mais um capítulo de uma rivalidade histórica, particularmente intensa desde 2000. Quando o árbitro apitar o fim do confronto, válido pela semifinal do Campeonato Paulista, apenas uma equipe segue adiante com o sonho do título. E, se depender do retrospecto dos últimos anos, o Peixe já desponta como favorito.

A última vez que o Tricolor se deu bem contra o Peixe em mata-matas foi em 2000, na decisão do Paulista daquele ano. Naquela época, o atacante Gabriel, principal promessa santista após Neymar, sequer lia e escrevia - tinha apenas três anos de idade.

Robinho, que ficaria conhecido pelas pedaladas com a bola nos pés, na época ainda era um desconhecido nas categorias de base alvinegras. Marcelo Fernandes, que jogou no Peixe nos anos 90, atuava como zagueiro no futebol catarinense. Já o ídolo são-paulino Rogério Ceni, atualmente com 42 anos, tinha apenas 27 e ajudou sua equipe a vencer o Santos e levantar o troféu estadual. O goleiro, inclusive, anotou um dos gols no empate decisivo por 2 a 2 no Paulistão de 2000.

Desde então, porém, só deu Peixe nos mata-matas. A supremacia alvinegra começou em 2002, quando a equipe então comandada por Emerson Leão eliminou o São Paulo nas quartas de final do Campeonato Brasileiro, com Robinho, Diego e companhia inspirados. O detalhe é que o time da capital chegou à fase eliminatória como favorito, dono da melhor campanha na primeira parte da competição. O Santos, por sua vez, era o azarão da disputa, após o 8º lugar na etapa anterior.

Depois disso, os rivais se encontraram novamente em cinco ocasiões decisivas: na Sul-Americana de 2004 e em três edições do Paulistão (nas semifinais de 2010, 2011 e 2012). Em todas elas o Alvinegro superou o Tricolor, com grandes atuações da dupla Neymar e Paulo Henrique Ganso, meia que hoje defende o time do Morumbi.

Neste domingo, na Vila Belmiro, mais um duelo decisivo entre as duas equipes, para quebrar a escrita recente ou então aumentar a freguesia tricolor. A semifinal será realizada em apenas um jogo. O Santos contará com o apoio da torcida para tentar vencer mais uma vez o rival do Morumbi.

Confira abaixo a lista de duelos decisivos entre Santos e São Paulo de 2000 para cá:

Paulista de 2000 (final)
Santos 0 x 1 São Paulo
São Paulo 2 x 2 Santos

Brasileiro de 2002 (quartas de final)
Santos 3 x 1 São Paulo
São Paulo 1 x 2 Santos

Sul-Americana 2004 (oitavas de final)
Santos 1 x 0 São Paulo
São Paulo 1 x 1 Santos

Paulista de 2010 (semifinal)
São Paulo 2 x 3 Santos
Santos 3 x 0 São Paulo

Paulista de 2011 (semifinal)
São Paulo 0 x 2 Santos

Paulista de 2012 (semifinal)
São Paulo 1 x 3 Santos

Globoesporte.com

Nenhum comentário: