No peito e na alma !

No peito e na alma !

sexta-feira, 6 de março de 2015

Líderes se irritam com vazamento e negam festa por saída de Enderson


Em coletiva, Robinho, Elano, Ricardo Oliveira e David Braz se mostram incomodados com "juvenis" que passaram informações do grupo do time no WhatsApp

Robinho, Elano, Ricardo Oliveira e David Braz, quatro dos jogadores mais experientes e importantes do elenco do Santos, convocaram uma entrevista coletiva para a manhã desta sexta-feira no CT Rei Pelé, após o treino, para negar as informações de que todo o grupo tenha comemorado a saída do técnico Enderson Moreira na véspera.

Os quatro se mostraram incomodados com o fato de "juvenis" - como definiu Robinho - terem vazado a informação sobre a comunicação entre os jogadores no grupo que eles mantêm no WhatsApp, aplicativo de conversas no celular. Os líderes do elenco fizeram questão de ressaltar que não pediram a demissão de Enderson.

– Se tivéssemos que pedir a cabeça do professor, teríamos feito isso. Nenhum estava comemorando a saída dele. Foi uma decisão do Enderson com a diretoria. E para os juvenis que acabaram mandando mensagem para o Bruno (Giufrida, repórter do GloboEsporte.com): ninguém tem nada com o professor Enderson. O time está bem focado, unido. Agora, foco no próximo jogo – disse Robinho, na coletiva.


– Para os juvenis que mandaram mensagem para o Bruno, do globo.com, esperamos que isso não aconteça mais. Brincadeira nossa no WhatsApp tem de ficar entra a gente – emendou o atacante.
O que incomodou os jogadores mais experientes foi a conotação de que "todo o elenco" teria comemorado a saída de Enderson. A reportagem do GloboEsporte.com publicada na quinta-feira, porém, deixava claro que alguns atletas celebraram a demissão - mas não falava que esse tinha sido o sentimento entre todos eles.

Enquanto Robinho, Elano, Ricardo Oliveira e David Braz concediam a coletiva, o técnico Enderson Moreira entrava ao vivo no programa Redação SporTV. Ele negou que tivesse problema com o elenco e disse que chegou a receber mensagens de apoio de alguns jogadores, como o próprio Robinho.

Globoesporte.com

Nenhum comentário: