No peito e na alma !

No peito e na alma !

sexta-feira, 13 de março de 2015

Ídolo do Santos diz que jogadores não deveriam escolher o treinador


Ídolo do Santos nos tempos de Pelé, o ex-atacante Coutinho criticou a possível interferência dos jogadores na escolha do novo técnico do clube. Nesta quinta-feira,(ontem) um dia após a vitória no clássico contra o Palmeiras por 2 a 1, a diretoria anunciou a efetivação de Marcelo Fernandes.

"Jogador não tem que dar palpite de A, B ou C. O Robinho tem que jogar a bolinha dele e pronto. Ele é pago e muito bem para isso", exemplificou o terceiro maior artilheiro do Peixe.

Sobre Marcelo Fernandes, porém, Coutinho optou por dar um voto de confiança. Interino desde a saída de Enderson Moreira, o novo treinador está invicto no time até agora.

"Ele trabalha no clube. O clube está com problemas financeiros. Vamos ver se ele (Marcelo) perder, se o Santos vai manter. Ganhando é fácil", disse Coutinho.

O ídolo santista também aproveitou para comentar a demissão de Enderson Moreira. O treinador teria tido problemas de relacionamento com jovens jogadores e por isso acabou sendo desligado do clube.

"Tem pai que enche o saco. Foi esse o problema para o Enderson sair. Tenho certeza disso. Os pais parecem que jogam mais que os jogadores. Certamente o Enderson se aborreceu e saiu".

Uol Esporte

Nenhum comentário: